Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
GP da Hungría

Sétima vitória consecutiva e nona em 2023 para o bicampeão do mundo, Max Verstappen, que está se encaminhando tranquilamente para o tricampeonato de Fórmula 1.

O holandês venceu o Grande Prêmio da Hungria sem grandes problemas, continuando o seu domínio completo do campeonato de F1. Verstappen terminou com uma vantagem de 37 segundos sobre Lando Norris, que conseguiu um segundo lugar pela segunda vez na sua carreira.

Esse resultado confirma que os McLaren estão a melhorar, mesmo com Sergio Pérez a assegurar o terceiro lugar, após arrancar do nono posto da pole position.

Verstappen intocável

O nível do piloto holandês, com um carro claramente superior, tem dado à Red Bull o triunfo em todas as corridas disputadas até ao momento. O time austríaco igualou este fim de semana o registro recorde de 11 vitórias consecutivas em um arranque de temporada que pertencia à McLaren.

Não há quem consiga brigar com a Red Bull e este domingo isso mesmo voltou a acontecer. O único ponto de interesse foi na saída, com o holandês a partir do segundo lugar. Porém, ele passou Lewis Hamilton, que estava na sua frente, na primeira reta e nunca mais perdeu a posição até ao final.

O inglês não arrancou da melhor forma e viu os McLaren o ultrapassarem também, faltando a seguir o ritmo para brigar pelo pódio. 

Na saída foram obrigados a desistir os Alpine de Esteban Ocon e Pierre Gasly, após um choque provocado por Zhou Guanyu da Alpha Romeo.

Checo voltou a subir ao pódio, mas utilizando uma estratégia diferente, pois saiu da nona posição. O mexicano subiu até chegar ao terceiro lugar e assim continua no segundo lugar da geral.

A diferença para o seu companheiro de equipe é já de 110 pontos e será apenas uma questão de tempo até Verstappen voltar a ser o campeão.

McLaren briga com Aston Martin

No início da temporada, Fernando Alonso era quem conseguia melhores resultados abaixo da Red Bull, no seu Aston Martin, mas com o passar dos meses a McLaren foi melhorando e tem atualmente o segundo melhor carro. Em Silverstone e agora, no Hungaroring, Norris conseguiu o segundo lugar, com o seu companheiro de equipe, Oscar Piastri, a ficar em quarto e quinto respetivamente.

Norris está no seu melhor, após um início de temporada de 2023 a brigar nos lugares de fundo da tabela. O inglês está agora entre os carros da frente, com p seu companheiro australiano pouco atrás.

Mercedes não se encontra

A Mercedes ainda não se adaptou as mudanças radicais introduzidas no ano de 2022 e isso foi fácil de ver na Hungria.

Hamilton não esperava brigar pela pole position e, na corrida, a sua falta de ritmo era tão grande que seria impossível manter o primeiro lugar de onde arrancou, mesmo que a sua saída tivesse sido melhor.

Porém, houve momentos na corrida em que ele chegou a ser o mais rápido em pista, conseguindo reduzir a desvantagem de 12 segundos que tinha para Pérez nas últimas voltas.

Um erro na qualificação deixou o companheiro de equipe de Hamilton, George Russell, no 18º lugar da grelha, mas ele fez uma corrida fantástica e terminou no sexto lugar.

Os dois Silver Arrows estiveram muito mais velozes com menos combustível, pelo que a equipe precisa de analisar todos os dados para tentar melhorar as prestações dos seus carros.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.