Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
us open
  1. Tênis

US Open: Revisão do Dia 11 - Femininos

Dia 1Dia 2Dia 3Dia 4Dia 5Dia 6Dia 7
Dia 8Dia 9Dia 10Dia 11Dia 12Dia 13Dia 14

Confira os resultados e os destaques diários da chave feminina do US Open 2023.

Dia 11: Sabalenka e Gauff se enfrentam na final

Resultados do dia 11 (semifinais) no US Open feminino 
Madison Keys (17) vs. Aryna Sabalenka (2)6-0 6-7 6-7
Coco Gauff (6) x Karolína Muchová (10)6-4, 7-5

O US Open 2023 já conhece as duas jogadoras que vão disputar a final da chave feminina. São elas Aryna Sabalenka e Coco Gauff.

A bielorrussa cumpriu as previsões de superar suas adversárias e lutar por seu segundo Grand Slam da temporada, enquanto a jovem norte-americana confirma sua progressão encanta a torcida local.

Sabalenka continua crescendo

Sabalenka está, sem dúvida, tendo a melhor temporada de sua carreira, com três títulos conquistados, incluindo o Aberto da Austrália, também em quadra dura. 

Agora, ela tem uma ótima chance de ganhar o segundo Grand Slam de sua carreira e entrar para o seleto grupo de jogadoras que conquistaram dois troféus desse nível no mesmo ano. O poder da bielorrussa nesta superfície e sua maior experiência faz dela a favorita para vencer Coco Gauff na final.

No entanto, Sabalenka se mostrou fisicamente exausta nas semifinais contra Madison Keys, que contando com o apoio da torcida, atropelou a nova número um do ranking WTA no primeiro set. 

Depois de estar perdendo por 6/0 e 5/3, a reação da bielorrussa chegou finalmente no tie break do segundo set e a decisão ficou para um terceiro set angustiante e disputadíssimo.

Keys teve recebido assistência médica por desconforto muscular antes do início do terceiro set, em uma altura em que Sabalenka começava a recuperar a confiança, se mexendo melhor na quadra. A bielorrussa acabou levando a melhor, mas terá de estar em seu melhor nível desde o início na final se quiser coroar com glória uma campanha incrível, onde ainda só perdeu um set. 

Resultados de Aryna Sabalenka no US Open 2023:

RodadaPartidaResultado
Primeira rodadaMaryna Zanevska vs. Aryna Sabalenka (2)3-6 e 2-6
Segunda rodadaJodie Anna Burrage vs. Aryna Sabalenka (2)3-6 e 2-6
Terceira rodadaClara Burel vs. Aryna Sabalenka (2)1-6 e 1-6
Oitavas de finalDaria Kasátkina (13) vs. Aryna Sabalenka (2)1-6 e 3-6
Quartas de finalZheng Qinwen (23) vs. Aryna Sabalenka (2)1-6 e 4-6
SemifinaisMadison Keys (11) vs. Aryna Sabalenka (2)6-0, 6-7 e 6-7

Gauff quer fazer história

Coco Gauff continua a se estabelecer como uma das grandes promessas do tênis feminino e jogará sua segunda final de Grand Slam da carreira depois de perder no Aberto da França de 2022. 

A jovem de 19 anos está em excelente fase, acumulando 11 vitórias seguidas no circuito e tendo conquistado os dois maiores títulos da sua carreira, o WTA 500 de Washington e o WTA 1000 de Cincinnati, na preparação para este torneio.

Frente a Karolína Muchová, Gauff voltou a estar em ótimo nível criando 10 break-points e conseguindo cinco quebras para vencer em sets diretos e chegar na final do US Open 2023, tendo perdido apenas três sets pelo caminho.

A evolução da jovem norte-americana está atraindo a atenção dos fãs deste esporte e as comparações com Serena Williams são inevitáveis. Vale notar também que em caso de título no sábado, Gauff atingirá inédito terceiro lugar do ranking mundial.

Resultados de Coco Gauff no US Open 2023:

RodadaPartidaResultado
Primeira rodadaLaura Siegemund vs. Coco Gauff (6)6-3, 2-6 e 4-6
Segunda rodadaMirra Andreeva vs. Coco Gauff (6)3-6 e 2-6
Terceira rodadaElise Mertens (32) vs. Coco Gauff (6)6-3, 3-6 e 0-6
Oitavas de finalCaroline Wozniacki vs. Coco Gauff (6)3-6, 6-3 e 1-6
Quartas de finalJelena Ostapenko (20) vs. Coco Gauff (6)0-6 e 2-6
SemifinaisCoco Gauff (6) vs. Karolína Muchová (10)6-4 e 7-5

Dia 10: A consistência de Sabalenka e o retorno de Keys

Resultados do dia 10 no US Open feminino 
Qinwen Zheng (23) vs. Aryna Sabalenka (2)1-6 e 4-6
Markéta Vondrousová (9) vs. Madison Keys (17)1-6 e 4-6

Aryna Sabalenka continua imparável e já garantiu vaga em uma semifinal de Grand Slam pela quinta vez consecutiva. Não só, com sua vitória contra a chinesa Qinwen Zheng, ela chega nessa fase do US Open pelo terceiro ano sucessivo e, desta vez, com muita força.

Não só não perdeu nenhum set até agora no torneio, como o pior resultado da bielorrussa até agora foi o 6-4 do segundo set contra sua rival das quartas de final, e em seis dos dez sets que jogou, ela venceu por 6-1 ou 6-2.

Sua adversária será Madison Keys, que retorna à semifinal de Nova York cinco anos depois, após vencer a tcheca Markéta Vondrousová.

Curiosamente, embora a norte-americana tenha registrado exatamente o mesmo placar que Sabalenka em suas quartas de final, vencendo Vondrousová por 6-1 e 6-4, sua situação é muito diferente da bielorrussa.

Depois de ser finalista em 2017 e semifinalista em 2018, Keys disputou quatro torneios consecutivos do US Open sem passar da quarta rodada, mas sua vitória sobre a recente campeã de Wimbledon mostra que ela está muito perto de seu melhor.

Dia 9: Gauff avança para as semifinais

Resultados do dia 9 no US Open feminino 
Jelena Ostapenko (20) vs. Coco Gauff (6)0-6 e 2-6
Sorana Cirstea (30) vs. Karolina Muchová (10)0-6 e 3-6

Grande esperança da torcida local, a norte-americana de 19 anos derrotou Jelena Ostapenko com uma impressionante vitória pelas parciais de 6-0 e 6-2. Gauff teve um impressionante aproveitamento atropelando a letã e mostrando toda a confiança de quem carrega uma invencibilidade de 10 jogos e chega em sua segunda semifinal de Grand Slam.

Horas depois, foi a vez de Karolina Muchová vencer seu jogo. A tcheca vive o melhor momento da carreira e, ontem, derrotou Sorana Cirstea, por 6-0 e 6-3, em 1h37 de jogo, se colocando como uma grande candidata à final.

É verdade que até agora ela não teve uma grande rival pela frente, mas não terá a pressão de jogar em casa e ter que agradar à torcida de Arthur Ashe nas semifinais, o que sem dúvida lhe dá vantagem sobre Gauff para essa partida.

Dia 6: Sabalenka, Pegula e Jabeur cumprem

Destaques do dia 6 no US Open femininoResultados
Clara Burel vs. Aryna Sabalenka (2)6-1 e 6-1
Daria Kasatkina (14) vs. Greet Minnen 6-3 e 6-4
Liudmila Samsonova (15) vs. Madison Keys (17)7-5, 2-6 e 2-6
Qinwen Zheng (23) vs. Lucia Bronzetti6-3, 4-6 e 6-4
Elena Svitolina (26) vs. Jessica Pegula (3)4-6, 6-4 e 2-6
Katie Boulter vs. Peyton Stearns 4-6 e 3-6
Ons Jabeur (5) vs. Marie Bouzkova5-7, 7-6 e 6-3
Ekaterina Alexandrova (20) vs. Marketa Vondrousova (9)2-6 e 1-6

A jogadora bielorrussa foi o principal foco de atenção na chave feminino de sábado e conseguiu vencer sua partida da terceira rodada contra a francesa Clara Burel, com um duplo 6-1, em apenas uma hora de jogo. 

Com esse resultado, ela mostrou que tem talento suficiente para vencer seu segundo Grand Slam da temporada, após conquistar o Aberto da Austrália no início do ano, e que está em excelente forma, sem ter perdido ainda nenhum set em Flushing Meadows. Sua próxima adversária será Daria Dasatkina, que superou a belga Greet Minnen.

Jessica Pegula

Também ontem, Jessica Pegula, Marketa Vondrousova e Ons Jabeur cravaram vaga nas oitavas.

A norte-americana venceu Elina Svitolina pela quarta vez no circuito e continua em linha para, pelo menos, repetir as quartas do último ano, mas terá um duro teste contra sua compatriota Madison Keys, para o conseguir.

Em uma disputa de quase 3h, Ons Jabeur, que tem jogado adoentada desde o início do torneio, voltou a superar as dificuldades para seguir em frente. A tunisiana virou contra a tcheca Marie Bouzkova e continua na perseguição de seu primeiro título de Grand Slam.

No jogo que encerrou a terceira rodada feminina do US Open, Marketa Vondrousova precisou de apenas 57 minutos para superar Ekaterina Alexandrova e cravar sua décima vitória seguida em torneios de Grand Slam.

Dia 5: Swiatek vence e Rybakina perde

Sorana Cirstea
Destaques do dia 4 no US Open femininoResultado
Iga Swiatek x Kaja Juvan6-0, 6-1
Jelena Ostapenko x Bernarda Pera4-6, 6-3, 6-3
Caroline Wozniacki x Jennifer Brady4-6, 6-3, 6-1
Coco Gauff x Elise Mertens3-6, 6-3, 6-0
Sorana Cirstea x Elena Rybakina6-3, 6-7 (6), 6-4
Belinda Bencic x Lin Zhu7-6(1), 2-6, 6-3
Karolína Muchová x Taylor Townsend7-6(0), 6-3
Xinyu Wang x Anna Karolína Schmiedlová4-6, 6-3, 6-2

Iga Swiatek continua no bom caminho para defender o seu título do US Open, após derrotar a sua amiga Kaja Juvan de forma tranquila. A polonesa nunca perdeu o domínio da partida, vencendo os primeiros nove sets contra a eslovena. 

Juvan venceu apenas um set e foi eliminado em menos de uma hora. Swiatek venceu a sua primeira rodada pelo mesmo resultado e a segunda por 6-3 e 6-4. Na quarta rodada ela vai encontrar Jelena Ostapenko, uma adversária bem mais perigosa.

A jovem tenista da casa, Coco Gauff, teve que brigar para vencer contra Elise Mertens de virada. A jovem de 19 anos, que também precisou de virar o resultado da primeira rodada, cometeu vários erros que lhe custaram o primeiro set.

Ela respondeu bem no segundo set vencendo por 6-3 e fechou a partida em boa forma com um 6-0. Na quarta rodada ela vai defrontar Caroline Wozniacki, ex-número um do mundo.

A grande surpresa desta sexta-feira foi a eliminação de Elena Rybakina, que estava claramente com dificuldades em um ombro. Ela perdeu contra a cabeça de chave número 30, Sorana Cirstea, que esteve muito bem aproveitando a fraqueza da cazaque.

Dia 4: Favoritas seguem em frente

Destaques do dia 4 no US Open femininoResultados
Jodie Burrage vs. Aryna Sabalenka (2)3-6, 2-6
Patricia Maria Tig vs. Jessica Pegula (3)3-6, 1-6
Ons Jabeur (5) vs. Linda Nosková7-6(7), 4-6, 6-3
Martina Trevisan vs. Marketa Vondrousová (9)2-6, 2-6
Daria Kasatkina (13) vs. Sofia Kenin2-6, 6-4, 6-4
Liudmila Samsonova (14) vs. Tamara Korpatsch6-3, 6-3
Yanina Wickmayer vs. Madison Keys (17)1-6, 2-6
Karolína Plísková (25) vs. Clara Burel4-6, 2-6

A segunda rodada do US Open foi concluída sem surpresas, com excepção da derrota da tcheca Karolína Plísková para a francesa Clara Burel.

Semifinalista de 2022, Aryna Sabalenka tem odds de 4,33 para conquistar o título em Flushing Meadows e está brigando também para chegar na liderança do ranking.

A tenista bielorrussa, segunda cabeça-de-chave, obteve o mesmo resultado nas duas primeiras rodadas do torneio, já que na quinta-feira ela venceu a britânica Jodie Burrage pelas mesmas parciais de 6-3 e 6-2 com as quais derrotou a belga de origem ucraniana Maryna Zanevska na estreia.

Tem sido um começo de campanha tranquilo para Sabalenka rumo ao seu confronto na terceira rodada contra Clara Burel, que surpreendeu ao bater a ex-número um do mundo Karolína Plísková, finalista do US Open em 2016.

Em boa forma e com o apoio da tocida local, a número 3 do mundo Jessica Pegula precisou de apenas 1h11 para vencer a romena Patricia Maria Tig e continua runo a seu objetivo de chegar em uma inédita semifinal de Grand Slam, depois de ter parado nas quartas em todos os torneios deste porte.

Bem mais exigente foi a vitória de Ons Jabeur, vice do US Open 2022, frente à tcheca de 18 anos, Linda Noskova. Em uma partida de 2h09, a tunisina precisou de três sets para manter vivas suas esperanças de conquistar seu primeiro título de Grand Slam. 

Dia 2: Sabalenka soma e segue

Destaques do dia 2 no US Open femininoResultados
Maryna Zanevska x Aryna Sabalenka (2)3-6 e 2-6
Lucía Bronzetti x Barbora Krejcikova (12)6-4 e 7-6
Daria Kasarkina (13) x Alycia Parks2-6, 6-4 e 6-2
Caroline García (7) x Yafan Wang4-6 e 1-6
Han Na-Iae x Marketa Vondrousová (9)3-6 e 0-6
Ons Jabeur (5) x MC Osorio7-5 e 7-6
Liudmila Samsónova x Claire Liu7-6 e 6-3

O grande destaque do dia foi a vitória de Aryna Sabalenka, que mostrou na quadra por que é uma das favoritas à conquista do título em Nova York. 

A bielorrussa jogou bem, embora não ao seu melhor nível, e esse espaço claro para melhorias pode ser razão suficiente para assustar suas adversárias.

Quem também garantiu vaga na segunda rodada foram Ons Jabeur, Marketa Vondrousová, Liudmila Samsónova e Daria Kasátkina, embora esta última tenha necessitado disputar o terceiro set para cravar sua virada.

No entanto, como vem sendo habitual no tênis feminino, houve também surpresas negativas.

Barbora Krejcikova foi eliminada em dois sets por Lucía Bronzetti, e mais tarde, a cabeça de chave sete, Caroline García, teve o mesmo destino, caindo perante Yafan Wang.

Dia 1: Estreia fácil para Swiatek, Bia segue em frente

Destaques do dia 1 no US Open femininoResultados
Yelena Rybákina (4) x Marta Kostyuk6-2 e 6-1
Iga Swiatek (1) x Rebecca Peterson6-0 e 6-1
Rebeka Masarova x María Sakkari (8)6-4 e 6-4
Karolína Muchová (10) x Storm Sanders 6-4 e 6-0
Laura Siegemund x Coco Gauff (6)6-3, 2-6 e 4-6
Sloane Stephens x Beatriz Haddad Maia (19)2-6, 7-5 e 4-6
Petra Kvitová (11) x Cristina Bucsa6-1 e 7-6

Foram necessárias três horas, mas a número um do Brasil conseguiu eliminar a campeã de 2017, Sloane Stephens. 

Mais uma vez, Beatriz Haddad Maia mostrou sua boa forma em jogos de três sets e superou a adversária por 6/2, 5/7 e 6/4, para igualar seu desempenho do ano passado no US Open. 

A primeira rodada ficou também marcada pela queda de alguns grandes nomes, com Elisabetta Cocciaretto (29), Veronika Kudermetova (16), Anhelina Kalinina (28) e ainda a Top 10 Maria Sakkari a dizer adeus ao torneio.

Swiatek e Rybákina não vacilam

O circuito feminino está acostumado a ter grandes surpresas desde o primeiro dia e ainda mais em um Grand Slam tão imprevisível como este.

No entanto, o dia de ontem mostrou que duas das favoritas deste ano, Swiatek e Rybákina, provavelmente chegarão às rodadas finais para disputar o título.

A polonesa começou de forma impecável, defendendo a liderança do ranking e seu título do ano passado em Arthur Ashe. Iga perdeu apenas um jogo frente a Rebecca Peterson, para fechar a partida pelas parciais de 6 a 0 e 6 a 1.

Por sua vez, a cazaque mal cedeu três jogos à adversária e, embora agora tenha um teste de nível na segunda rodada contra Ajla Tomljanovic, não há dúvida de que ela lutará para chegar à final.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.