Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
atp wta tênis
  1. Tênis

Tênis: Quem são os favoritos em Indian Wells?

Carlos Alcaraz e Elena Rybakina vão defender seus títulos nas quadras sintéticas da Califórnia, mas terão oposição dos maiores nomes do esporte a atualidade.

Com presença confirmada de Rafael Nadal, Carlos Alcaraz, Novak Djokovic, Iga Swiatek, Aryna Sabalenka e Elena Rybakina, este torneio Masters 1000 é um dos mais interessantes do calendário e todos os seis tenistas são candidatos ao título.

ATP

Alcaraz venceu a última edição do torneio após derrotar Daniil Medvedev na final. No entanto, este ano será mais do que complicado devido ao alto nível que Djokovic e Jannik Sinner vêm apresentando.

Além disso, o jogador espanhol não conseguiu ainda oferecer sua melhor versão em 2024 e chega após se recuperar de uma entorse no Rio Open para bater Rafael Nadal no Netflix Slam, no último domingo.

Em Indian Wells, o número dois do mundo, que perdeu nas quartas de final do Aberto da Austrália para Alexander Zverev, terá a oportunidade de se redimir.

No entanto, não será fácil defender seus pontos, já que Sinner parece ser o grande favorito nesse evento. O italiano tem doze vitórias consecutivas em 2024, o que lhe permitiu vencer seu primeiro Grand Slam e o torneio de Roterdã.

Outro grande, e eterno, favorito é Novak Djokovic, atual líder do ranking mundial e cinco vezes vencedor nas quadras de Indian Wells.

Também não podemos descartar Daniil Medvedev, já que o russo é um especialista nessa superfície dura e foi finalista no ano passado. Além disso, ele foi finalista no Aberto da Austrália 2024 e chega de vencer o ATP de Dubai, no domingo.

O retorno de Nadal

É certo que o veterano espanhol jogou no último domingo o torneio de exibição da Netflix, contra Carlos Alcaraz, porém, as quadras californianas serão seu primeiro teste real após a lesão que sofreu em janeiro, em Brisbane, na partida contra Jordan Thompson.

O objetivo de Nadal para esse torneio é entrar em um ritmo competitivo e o sorteio o forçará a fazer isso desde o primeiro momento, já que sua estreia será contra Milos Raonic, a quem ele derrotou em oito de seus 10 duelos, embora o canadense tenha vencido o único confronto direto nesse torneio, há quase uma década.

O verdadeiro teste para o espanhol virá na segunda rodada contra Holger Rune, uma das grandes promessas do circuito masculino, e tenista do Top-10 mundial.

WTA

Embora haja uma certa imprevisibilidade no sorteio feminino, não há dúvida de que há três tenistas que começam como favoritas. Swiatek, Sabalenka e Rybakina parecem estar um passo acima das demais e serão as jogadoras a serem batidas nesse torneio.

A polonesa tem estado em alto nível nas últimas semanas, depois de um período ruim no Aberto da Austrália, onde caiu na terceira rodada. Iga venceu o WTA de Doha, e chegou nas semifinais em Dubai, em sua última competição.

Já a atual campeã foi quem disputou o maior número de torneios no último mês. Rybakina ganhou o título em Abu Dhabi, foi finalista em Doha, onde perdeu para Swiatek, e em Dubai teve que se retirar devido a problemas físicos, dos quais já se recuperou totalmente.

Por fim, temos a rainha de Melbourne, Sabalenka. A bielorrussa é a tenista do momento, mas em seu retorno às quadras, após um mês de pausa, foi eliminada na primeira rodada em Dubai contra Donna Vekic. Claramente a inatividade cobrou seu preço e ela espera estar em um nível melhor em solo americano.

Sem o mesmo favoritismo, mas com talento para surpreender, temos que colocar outros grandes nomes como Coco Gauff, Jessica Pegula, Ons Jabeur, Marketa Vondrousova ou a finalista do Aberto da Austrália, Qinwen Zheng.

Vale notra que nenhuma jogadora na história do circuito feminino venceu Indian Wells três vezes. Com duas, há um total de nove tenistas, sendo Victoria Azarenka, a única ainda em atividade.

Além disso, nenhuma tenista venceu o torneio duas vezes seguidas nas últimas três décadas - desde que Martina Navratilova reinou suprema nas temporadas de 1990 e 1991 - algo que Rybakina espera igualar esse ano.

Bia busca recuperação

A número 1 do Brasil e 13ª do mundo chega a este torneio como cabeça 12 do torneio, devido à ausência por lesão da tcheca Karolina Muchova, e espera conseguir melhor resultado do que nos três últimos torneios que disputou e onde caiu na estreia.

Nesta sua quinta participação em Indian Wells, Beatriz Haddad Maia entra diretamente na segunda rodada e sonha com pelo menos repetir o sucesso de 2021, quando chegou nas oitavas de final.

A canhota paulista, que vai defender 65 pontos para o ranking conquistados por ter chegado na terceira rodada no último ano, ainda não conhece o nome de sua adversária.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.