Pular para conteúdo
Registre-se
Roberto Martínez (Portugal)
  1. Futebol

Roberto Martínez apresentado como técnico de Portugal

O treinador espanhol foi o escolhido pela Federação Portuguesa de Futebol para substituir Fernando Santos no comando da seleção depois da Copa do Mundo.

O novo técnico assumiu a seleção portuguesa de forma oficial nesta segunda-feira.

Martínez, que comandou a Bélgica nas últimas duas Copas do Mundo, assinou contrato com a federação portuguesa até 2026, substituindo assim Fernando Santos, o técnico mais titulado da história da seleção lusa, tendo conquistado o título europeu em 2016 e a Liga das Nações em 2019.

No evento de apresentação, Martínez fez questão de afirmar que vai “tentar aprender português o mais depressa possível”.

“Muito obrigado a todos. Estou muito orgulhoso de poder representar uma das seleções com mais talento do mundo. Quando recebi o convite, percebi que era um projeto esportivo que me motivaria. Sei que há grandes objetivos, mas também há uma grande equipe por trás desta seleção”, disse.

O objetivo principal é fazer de Portugal um dos favoritos para a Copa do Mundo de 2026, explicou o presidente da FPF, Fernando Gomes:

- “O percurso de Roberto Martínez fala por si próprio. Como treinador tem formado o seu trabalho em adquirir conhecimento de forma competente. Nunca foi relevante o local de nascimento do selecionador. Apesar de o relacionamento com a Federação ter poucos dias, sabe com o que poderá contar. O povo português é apaixonado pela sua seleção. Ambicionamos, no mínimo, as semifinais de qualquer competição”

Neste momneto, Portugal está em sétimo lugar dos favoritos ao título mundial, com odds de 14/1.

O tema Cristiano Ronaldo

Como seria de esperar, o novo técnico foi questionado sobre se conta com o veterano Cristiano Ronaldo, agora jogador do Al-Nassr, da Arábia Saudita.

Martínez garantiu que o capitão luso está incluído no projeto, mas que quer conhecer todos e conversar com todos, para analisar caso a caso com quem irá seguir em frente.

"As decisões de futebol tomam-se no terreno de jogo, não tomo decisões no escritório. Os 26 que estiveram no Mundial são o ponto de partida, e ele está na lista. É um processo com naturalidade, trabalho e responsabilidade", afirmou, acrescentando que “Cristiano está há 19 anos na seleção e merece o respeito de nos sentarmos e falar”.

“A partir daí é criar, em dez semanas, a melhor equipa para os jogos, para a qualificação para a Eurocopa. Hoje é um dia de satisfação. Amanhã começaremos a trabalhar”, concluiu.

O percurso de Roberto Martínez

Natural na Espanha, Roberto Martínez iniciou sua carreira como treinador no Swansea, no País de Gales, onde se destacou com boas campanhas que o levaram a rumar ao Wigan Athletic, onde esteve quatro anos, conquistando a Copa da Inglaterra em 2012-13.

Seu estilo de jogo preferido se baseia na posse de bola e ele já apontou Johan Cruyff como uma influência em sua abordagem gerencial.

Em 2013, foi chamado para comandar o Everton, e três anos depois rumou para a Bélgica, assumindo a seleção após a Eurocopa 2016.

À frente de uma das gerações mais talentosas da história do país, Martínez conseguiu bons resultados, levando a Bélgica ao primeiro lugar do ranking mundial, hierarquia que comandou entre 25 de outubro de 2018 e 10 de fevereiro de 2022, e ainda ao terceiro lugar na Copa do Mundo de 2018 na Rússia, onde foi algoz do Brasil nas quartas.

No entanto, esse sucesso não se repetiu mais e as atuações do time foram perdendo qualidade. Em 2021, a Bélgica foi eliminada nas quartas de final da Eurocopa pela Itália, que viria a ser campeã. Já no Catar, o time não conseguiu passar da fase de grupos da Copa do Mundo, e o técnico decidiu encerrar seu mandato de seis anos.

Agora, o técnico de 49 anos vai comandar a seleção portuguesa até 2026, se tornando no terceiro estrangeiro à frente da seleção lusa, depois dos brasileiros Otto Glória (1964 a 1966 e de novo de 1982 a 1983) e Luiz Felipe Scolari (de 2003 a 2008).

Seus primeiros compromissos no comando do time luso serão os duelos pelas eliminatórias para a Eurocopa 2024.

O jogo de estreia será no Estádio José Alvalade, em 23 de março, contra o Liechtenstein, na Rodada 1 do Grupo J da fase de apuramento para o torneio e três dias depois, terá o primeiro teste como visitante, frente ao Luxemburgo. A seleção portuguesa é favorita para se classificar com odds de 1/5 e, por isso, Martínez tem possibilidade de começar bem seu novo projeto.

Seguir-se-ão mais dois jogos em junho na segunda metade de junho. Como mandante contra a Bósnia e Herzegóvina, e novamente fora, com a Islândia.

HTML
A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies