Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
ATP/WTA (saibro)
  1. Tênis

Quatro finais a não perder este domingo

Alcaraz, Swiatek, Rune e Rublev são favoritos à vitória em Barcelona, Stuttgard, Munique e Banja Luka respetivamente, mas não terão duelos fáceis contra adversários de topo e em boa forma.

No saibro espanhol, Stefanos Tsitsipas vai tentar a revanche contra o número dois do ranking ATP.

Nos dois torneios alemães temos uma repetição das finais de 2022, com Iga Swiatek enfrentando Aryna Sabalenka e Holger Rune duelando com Botic van de Zandschulp.

Já no torneio bósnio, Andrey Rublex vai tentar manter sua invencibilidade no saibro esta temporada contra Dusan Lajovic.

ATP 500 de Barcelona: Alcaraz quer repetir título

O quê: Carlos Alcaraz x Stefanos Tsitsipas
Onde: Real Club de Tênis de Barcelona, Espanha
Quando: domingo, 23 de abril de 2023, às 11h00 de Brasília
Como assistir: ESPN 2
Cotações: Carlos Alcaraz = 1,25 / Stefanos Tsitsipas = 4,00

Carlos Alcaraz continua melhorando e ainda não perdeu nenhum set em Barcelona, derrotando Daniel Evans nas semifinais por um duplo 6-2.

Agora, Stefanos Tsitsipas será seu último obstáculo para repetir o título do ano passado.

O grego teve de batalhar frente a Lorenzo Musetti na primeira semifinal do dia, mas conseguiu vencer por 6-4, 5-7 e 6-3 para chegar em sua terceira final em Barcelona.

Esta será a quarta vez que os dois jogadores se encontram, com Alcaraz levando a melhor em todas as ocasiões, algo que o grego vai tentar mudar.

WTA 500 de Stuttgard: Duelo de topo na final

Pelo segundo ano consecutivo, Iga Swiatek e Aryna Sabalenka duelam na final do torneio alemão em quadras de saibro.

A partida começa às 08h00 de Brasília e a polonesa é favorita, com odds de 1,44, contra 2,75 da bielorrussa.

No entanto, Sabalenka tem experiência no saibro de Stuttgard, onde disputa sua terceira final consecutiva após bater Barbora Krejcikova, Paula Badosa e Anastasia Potapova no percurso.

Com seu jogo agressivo, potência no forehand e grande melhoria no saque, a bielorrussa atravessa um bom momento e tem odds de 1,61 para ganhar um set.

Aos 21 anos, Iga tenta conquistar seu 13º título na carreira após estar afastada das quadras cerca de um mês com lesão nas costelas e tem vantagem no retrospeto entre ambas, por 4 a 2, ainda que tenha perdido o duelo mais recente, na semi do WTA Finals.

Notícias relacionadas:

Os objetivos de Carlos Alcaraz para 2023

Os objetivos de Iga Świątek para 2023

ATP 250 de Munique: Rune e Botic repetem a final

Este domingo, às 8h30 de Brasília, Holger Rune e o holandês Botic van de Zandschulp se defrontam no saibro alemão, repetindo a final de 2022, que o dinamarquês venceu.

Agora o número sete do mundo, que foi vice-campeão no Masters 1000 de Monte Carlo na semana passada, vai tentar conquistar seu quarto título de ATP.

Em excelente forma, o tenista de 19 anos ainda não perdeu sets nesta semana, e escapou de todos os oito break-points que enfrentou na semifinal com Christopher O'Connell, vencendo por 6-3 e 6-2.

Mesmo sendo favorito, com odds de 1,28, Rune terá um duro teste este domingo, frente a um adversário que está tentando conquistar seu primeiro título no circuito e que derrotou na semifinal o norte-americano Taylor Fritz, número 10 do mundo, pelas parciais de 6-4 e 7-6 (7-2).

ATP 250 de Banja Luka: Lajovic x Rublev na final

Andrey Rublev superou no sábado o canhoto eslovaco Alex Molcan, 73º do ranking, por 6-2 e 6-4 para chegar na final do torneio e se mantendo invicto no saibro esta temporada.

O atual número 6 do mundo conquistou há uma semana seu primeiro Masters 1000, em Monte Carlo, e soma já 21 vitórias em 29 jogos em 2023, vencendo todas as oito partidas que disputou no saibro.

Seu adversário deste domingo é o sérvio Dusan Lajovic, que eliminou o compatriota Miomir Kecmanovic, pelas parciais de 4-6, 7-6 (7-5) e 6-4 nas semifinais.

Esta será a terceira final no circuito do tenista de 32 anos que tem odds de apenas 4,00 para conquistar seu segundo título de ATP frente ao russo que disputa sua 20ª final do circuito, onde já venceu 13 torneios, quatro deles no saibro.

Djokovic falha Madri

No sábado também foi anunciado que o número um do mundo não estará presente no Masters 1000 de Madri.

O sérvio vinha se queixando de um desconforto no cotovelo direito toda a semana e acabou sendo eliminado nas quartas de final do ATP 250 de Banja Luka por Dusan Lajovic.

Agora, Djoko decidiu falhar Madri para descansar um pouco mais e se recuperar para o Aberto da França que começa a 28 de maio e onde o veterano é favorito ao título, com odds de 2,50.

Isso significa que ele só jogará o Masters 1000 de Roma, que começa no dia 10 de maio, como preparação e outros tenistas estarão com mais ritmo competitivo para enfrentar o segundo Grand Slam deste 2023.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta

Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.