Pular para conteúdo
Registre-se
tênis
  1. Tênis

Prévia das finais da Copa Davis: Canadá parece ser a equipa a bater

A Copa Davis de 2022 chega à fase final com oito equipes e uma forte representação com oito dos 20 maiores astros mundiais do tênis em ação.

Os campeões vigentes, Federação Russa, assim como a França, Sérvia e Grã-Bretanha são as grandes ausências das quartas-de-final do torneio, que arrancam em Málaga esta segunda-feira.

Mas há várias equipes com muito talento com os olhos fixos no prêmio. O Canadá, a Croácia, a Espanha, os EUA e a Itália parecem ter as credenciais mais fortes, com os canadenses e os croatas lutando pelo favoritismo, ambos com odds de 3/1, enquanto Espanha e EUA têm 4/1 e a Itália 9/2.

As outras três nações envolvidas são a Austrália, que tem odds de 12/1, a Alemanha e os Países Baixos, ambos com 20/1.

Estas oito nações vão jogar quatro partidas das quartas-de-final, de terça a quinta-feira, antes das semifinais na sexta-feira e no sábado, e da final de domingo.

Tal como aconteceu na rodada anterior, teremos dois jogos de simples antes de uma disputa de duplas, se o placar estiver empatado em 1-1.

O quê:Finais da Copa Davis 2022
Onde:Jose Maria Martin Carpena Arena, Málaga, Espanha
Quando:segunda-feira, 22 de novembro de 2022, às 12h00 de Brasília
Como assistir:ESPN e Star+
Cotações:Canadá 3/1, Croácia 3/1, Espanha 4/1, EUA 4/1, Itália 9/2, Austrália 12/1, Alemanha 20/1, Holanda 20/1

Metade superior recheada de qualidade

A metade superior do sorteio da Copa Davis parece um campo minado para os apostadores com o Canadá contra a Alemanha e a Itália enfrentando os EUA.

Com o número seis do mundo Felix Auger-Aliassime, que está em excelente forma, representando os canadenses junto com Denis Shapovalov, eles devem conseguir superar os seus adversários nestas quartas-de-final, especialmente porque a Alemanha está enfraquecida sem o lesionado Alexander Zverev.

Já a partida entre a Itália e os EUA parece um duelo bem mais competitivo e o vencedor dessa luta talvez merecesse ser o favorito para bater o Canadá no torneio.

O tênis italiano está em uma fase saudável no momento, mas a retirada tardia de Matteo Berrettini pode ter causado alguns danos às suas chances de vitória.

Com o astro Jannik Sinner também excluído por lesão, o capitão Filippo Volandri conta com Lorenzo Sonego, Lorenzo Musetti e Fabio Fognini para fazer o trabalho.

Isso dá aos americanos uma vantagem significativa e, talvez, faça deles a melhor aposta desta seção do sorteio com odds de 4/1.

Com o semi-finalista do US Open, Frances Tiafoe, o recém-chegado do ATP Finals, Taylor Fritz, além de Tommy Paul e Jack Sock, esse último selecionado por seus resultados nas chaves de duplos, os EUA parecem bem equilibrados. Além disso, os americanos preferem esta superfície mais rápida que pode lhes dar a vantagem.

A Croácia busca finais consecutivas

A Croácia foi derrotada na final da Copa Davis pela Federação Russa no ano passado, mas desta vez eles têm todas as chances de fazer melhor.

O sorteio foi super favorável para os croatas, que foram coroados campeões em 2018, e estão armados com dois tenistas de primeira classe nos experientes Marin Cilic e Borna Coric.

Estes dois podem ajudá-los a afastar a anfitriã Espanha, que está sem Rafael Nadal e Carlos Alcaraz e, portanto, colocando suas esperanças nas atuações de Pablo Carreño Busta e Robert Bautista Agut.

Cilic e Coric devem ter a vantagem nas chaves simples, apesar de os espanhóis terem o fator casa a seu favor. E vencer esse confronto das quartas-de-final os recompensaria com a Austrália ou a Holanda, que parecem ser as duas equipes mais fracas ainda na competição.

A Austrália venceu este torneio 28 vezes e, com certeza, adoraria se sair bem novamente, mas a ausência de Nick Krygios deixa um enorme vazio a ser preenchido no time.

O número 24 do ranking, Alex de Minaur, será o astro da equipe, apoiado por Thanasi Kokkinakis, e isso deve ser talento suficiente para afastar a Holanda.

A equipe holandesa está fortemente dependente de Botic van de Zandschulp, mas De Minaur parece ser jogador suficiente para lhe fazer frente, o que pode ter algumas pessoas interessadas nas odds de 11/1 a favor dos australianos.

Mas se a Croácia conseguir superar a Espanha, seria favorita ao seu confronto das semifinais e têm neste momento odds de 3/1 para ir até o fim e levantar o troféu.

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies