Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
monza
  1. Esportes Motorizados
  2. Fórmula 1

Pistas de F1: Monza - Grande Prêmio da Itália

Com uma velocidade média recorde de 264 km/h, Monza merece bem os apelidos de Templo da Velocidade e Pista Mágica.

Poucos circuitos em uso atualmente têm a honra de ser centenários e Monza é um deles. Inaugurado em 1922, foi o primeiro circuito da Europa Continental construído especificamente para sediar corridas de automóveis e suas longas retas o tornam o mais rápido de todo o calendário da Fórmula 1.

Recordes do GP da Itália

Maior número de vitóriasMichael Schumacher e Lewis Hamilton (5 cada)
Volta mais rápidaLewis Hamilton: 1:18.887 (2020)
Último vencedorMax Verstappen (2022)

Onde fica o circuito de Monza?

A apenas 20 quilômetros a norte de Milão fica a cidade de Monza, onde os terrenos do palácio neoclássico Villa Reale abrigam um dos circuitos mais icônicos do mundo.

Quais são as características do circuito de Monza?

Monza tem tudo a ver com velocidade. Nenhum outro circuito de Fórmula 1 permite que você pressione o acelerador com tanta força por tanto tempo, com apenas 11 curvas em sua pista de 5,793 quilômetros.

Assim, não é de se admirar que esta pista tenha a maior velocidade média do Campeonato Mundial, com o recorde da pista sendo os 264,362 km/h alcançados por Lewis Hamilton em 2020, que lhe garantiram a pole position.

Em corrida, e no formato atual do circuito, o recorde de volta de corrida mais rápida é de 1:21.046 e pertence ao brasileiro Rubens Barrichello (2004).

Um dos pontos principais da pista são as duas curvas consecutivas da Rettifilo Variante, onde os pilotos chegam a toda a velocidade após a reta de largada, que tem pouco mais de um quilômetro.

Passar de 350 km/h para cerca de 80 km/h em apenas 120 metros para enfrentar a chicane da qual se sai em segunda marcha a apenas 70 km/h é um verdadeiro desafio para os carros e um duro teste às habilidades dos pilotos.

Quando foi a primeira corrida de F1 no Circuito de Monza?

Monza é palco de corridas de automóveis há mais de um século, tendo sediado o GP da Itália em 92 ocasiões.

A primeira corrida de Fórmula 1 ocorreu na temporada inaugural do campeonato, em 1950. O italiano Nino Farina, ao volante do seu Alfa Romeo, conquistou a vitória superando seus compatriotas Alberto Ascari (pela Ferrari) e Luigi Fagioli (também pela Alfa Romeo).

Como essa era a última corrida do ano, a vitória de Farina fez dele o primeiro campeão mundial de Fórmula 1 da história.

Quem venceu o GP da Itália mais vezes?

Michael Schumacher e Lewis Hamilton dividem o recorde de maior número de vitórias no Grande Prêmio da Itália, com um total de cinco cada um.

Os triunfos do alemão foram conseguidos entre 1996 e 2006, sempre ao serviço da Ferrari. Já Hamilton conquistou sua primeira vitória em Monza, em 2012, com a McLaren, enquanto  suas quatro vitórias seguintes foram com a Mercedes (2014, 2015, 2017 e 2018).

No entanto, vale notar que apenas um único piloto venceu o Grande Prêmio da Itália em Monza três vezes consecutivas - Juan Manuel Fangio. Ele ganhou em 1953 com a Maserati, e venceu as duas edições seguintes ao volante da Mercedes.

Quem venceu o último GP da Itália?

Em 2022, Charles Leclerc foi o mais rápido na qualificação, cravando a pole position, mas na corrida, Max Verstappen foi superior e subiu ao topo do pódio, à frente do monegasco e de George Russell.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.