Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Suzuka - F1 - GP do japão
  1. Esportes Motorizados
  2. Fórmula 1

Pistas de F1: Circuito de Suzuka - GP do Japão

Poucas pistas se comparam à combinação única de traçado, história, misticismo, e emoções do Circuito de Suzuka, que contribuíram para tornar a sede do Grande Prêmio do Japão uma das favoritas entre os fãs e pilotos.

O único circuito em forma de oito no calendário da Fórmula 1 apresenta todos os tipos de curvas que realmente colocam um piloto à prova.

A pista pode ser estreita, o que torna as ultrapassagens complicadas, mas ainda assim proporciona altas velocidades, com uma das curvas mais rápidas do ano, a 130R, suas distintas curvas em S, e o incrível crossover.

Como se isso não proporcionasse emoção suficiente, a posição desta etapa no cronograma significa que a pista é muitas vezes local da decisão do título (12 vezes já). Aliás, nenhum circuito viu mais campeões de F1 serem coroados, incluindo Max Verstappen em 2022.

Onde fica o Circuito de Suzuka?

O Circuito de Suzuka está localizado na província de Mie, no Japão, a 60 quilômetros ao sul da quarta maior cidade do país, Nagoya.

Cercado por fabricantes de automóveis e localizado ao lado de um parque temático, razão pela qual os carros são frequentemente retratados com uma roda gigante atrás deles, o terreno variável da área cria um cenário dramático para uma pista de corrida.

Quando o Circuito de Suzuka foi construído?

A pista foi originalmente solicitada por Soichiro Honda, chefe da Honda na década de 1950, pois ele achava que sua empresa precisava de sua própria pista de testes.

Ele encomendou o circuito ao projetista holandês John Hugenholtz, que deu asas à sua imaginação, inicialmente elaborando um plano em que a pista passaria por cima e por baixo de si mesma três vezes em um layout único em forma de oito.

Quando foi inaugurado em setembro de 1962, o traçado em forma de oito permaneceu, mas incluía apenas um cruzamento.

Rapidamente foi estabelecido que a pista era boa demais para ser usada apenas como local de testes e os eventos nacionais no Japão logo começaram a ser realizados no circuito, embora demorasse um pouco para a Fórmula 1 chegar.

Quando o Circuito de Suzuka surgiu no calendário de F1?

Após dois anos de corridas mal-sucedidas em Fuji na década de 1970, o Grande Prêmio do Japão foi transferido para Suzuka em 1987.

A pista tem sediado a prova desde então, com exceção de 2007 e 2008, quando a corrida voltou para Fuji Speedway.

Atualmente, Suzuka tem um acordo com a F1 para receber o Grande Prêmio do Japão até 2024.

Características do circuito de Suzuka

Com 5,807 km, Suzuka é atualmente a sétima pista mais longa do calendário da Fórmula 1, embora a alta velocidade da pista signifique que não é preciso muito tempo para percorrê-la.

Os carros de F1 têm uma média de 230 km por hora no GP do Japão e atingem até 315 km quando descem a reta de largada/chegada.

A pista possui 18 curvas no total, nove para a direita e nove para a esquerda, algumas delas muito lentas, como a primeira, a décima primeira ou a décima sexta e a décima sétima, que formam a chicane final. As famosas curvas em "S" do primeiro setor, após a reta principal, são o grande destaque de uma pista em que é bem difícil ultrapassar.

Quem venceu o maior número de corridas de F1 no Circuito de Suzuka?

Michael Schumacher é o piloto de Fórmula 1 mais bem-sucedido em Suzuka, com seis vitórias entre 1995 e 2004. O heptacampeão mundial, que venceu uma vez com a Benetton e as restantes vezes com a Ferrari, detém também o recorde de maior número de pole positions na pista.

Sebastian Vettel e Lewis Hamilton são os próximos na lista com quatro vitórias cada, enquanto Senna, Damon Hill, Mika Hakkinen e Max Verstappen venceram em Suzuka mais de uma vez.

As vitórias de Hakkinen contribuíram para que a McLaren seja a construtora com mais sucesso (oito) em Suzuka, seguida da Ferrari, com sete.

Qual é o recorde de volta da F1 no Circuito de Suzuka?

Hamilton detém o recorde de tempo de volta durante uma corrida em Suzuka, com 1:30.983, estabelecido durante o auge do domínio da Mercedes em 2019.

Mas o recorde de pista pertence a Sebastian Vettel, com 1:27.064, na qualificação para o Grande Prêmio do Japão em 2019.

Recordes do GP do Japão

Maior número de vitórias

 Michael Schumacher (6)

Volta mais rápida 

 Lewis Hamilton 1:30.983 (2019)

Último campeão

 Max Verstappen (2023)

Fórmula 1

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.