Pular para conteúdo
Registre-se
Wydad
  1. Futebol
  2. Outras Ligas

O que esperar do Wydad no próximo Mundial de Clubes

Um dos possíveis adversários do Flamengo em sua estreia no próximo Mundial de Clubes é o Wydad — o atual campeão africano.

A edição de 2022 da Copa do Mundo de Clubes da FIFA ainda não tem data nem local confirmados.

Por outro lado, cinco dos sete participantes já estão definidos. Entre eles os marroquinos do Wydad, os atuais campeões da África. 

Uma temporada inesquecível

Na temporada 2021–22, o Wydad, de Casablanca, venceu não só a Liga dos Campeões da CAF como o Campeonato Marroquino — conhecido como Botola Pro.

O título continental veio no último 30 de maio. A decisão foi disputada em jogo único, em Casablanca, quando os anfitriões derrotaram por 2 x 0 os egípcios do Al-Ahly.

Com essa vitória, o Wydad se igualou ao seu arquirrival, o Raja, com três títulos da mais importante competição entre clubes africanos. (O recordista é o próprio Al-Ahly, com dez.)

A conquista da liga nacional se deu em 29 de junho. Ao empatar fora de casa com o Mouloudia Oujda, a equipe de Casablanca foi campeã com uma rodada de antecedência.

Esse foi o 22.º título de Campeonato Marroquino do Castelo Vermelho — o maior vencedor do país. (O segundo nessa lista é o extinto Union Sportive Marocaine, com 15 títulos.)

A temporada passada ratificou o grande momento histórico vivido pelo clube desde a chegada de seu atual presidente, Saïd Naciri, em 2014.

Desde então, foram cinco troféus do Botola Pro (2015, 2017, 2019, 2021 e 2022), dois da Liga dos Campeões da CAF (2017 e 2022) e um da Supercopa da CAF (2018).

Troca no comando técnico

Em 2021–22 o técnico da equipe foi Walid Regragui, que conquistou os dois torneios mais importantes que disputou logo em sua primeira temporada.

Aliás, por pouco o Wydad não conquistou também a Copa do Marrocos (conhecida como Copa do Trono), perdida nos pênaltis para o RS Berkane em 28 de julho.

Três dias depois, Regragui anunciou a sua saída do clube. Um mês depois, foi apresentado oficialmente como o treinador do Marrocos para a Copa do Mundo.

Desde 18 de agosto os Vermelhos têm como técnico Hussein Ammouta, que em 2017 os conduziu às conquistas do Botola Pro e da Liga dos Campeões.

Hussein/Houcine Ammouta (Wydad)

Jogadores que se foram

Dois dos maiores destaques do Wydad em 2021–22 já não integram mais o seu elenco.

Um deles é o zagueiro Achraf Dari. Aos 23 anos, este jogador da seleção marroquina hoje atua pelo Stade Brestois 29, da França.

Outro é o atacante congolês Guy Mbenza. O artilheiro da edição passada do Botola Pro (dezesseis gols marcados) hoje está no Al-Tai, da Arábia Saudita

Jogadores que vieram

Dos recentemente contratados destacamos três.

Um deles é o zagueiro congolês Arsène Zola, vindo de outro clube marooquino, o Chabab Mohammédia.

Outro é o atacante senegalês Bouly Sambou. Este estava no Jaraaf, de seu país natal, e agora é a referência ofensiva do Wydad.

O terceiro é o atacante Mohamed Ounajem, que, vindo dos egípcios do Zamalek, retorna ao clube pelo qual atuou de 2015 a 2019 e também no primeiro semestre de 2021.

Os principais remanescentes

Vários jogadores importantes na temporada passada continuam no Wydad.

Entre eles estão o goleiro Ahmed Reda Tagnaouti, o lateral-direito Ayoub El Amloud, o lateral-esquerdo Yahia Attiyat Allah e os meio-campistas Reda Jaadi e Ayman El Hassouni.

Mas o principal jogador é o meio-campista e capitão Yahya Jabrane, eleito o craque do Botola Pro 2021–22.

Yahya Jabrane (Marrocos)

Tagnaouti, Attiyat Allah e Jabrane estão com a seleção marroquina no Catar.

Desempenho na atual temporada

No último 10 de setembro, o Wydad foi derrotado por 2 x 0 pelos seus conterrâneos do RS Berkane na Supercopa da CAF.

A fase de grupos da Liga dos Campeões da África 2022–23 começa em fevereiro, mas, mesmo sendo o atual campeão, o Wydad precisou disputar uma das fases qualificatórias.

Mês passado a equipe superou o Rivers United, da Nigéria. Com isso, os marroquinos estarão entre os quatro cabeças de chave do torneio.

Quanto às suas cinco partidas até aqui pelo Botola Pro 2022–23, foram cinco vitórias e três empates. Isso faz do Wydad o vice-líder (atrás do AS FAR apenas em gols marcados).

Os Vermelhos têm uma das defesas menos vazadas da liga, com quatro gols contra (média de 0,50), e um dos ataques mais eficientes, com onze a favor (média de 1,38).

Os destaques ofensivos da equipe no Campeonato Marroquino vêm sendo El Hassouni, Sambou (ambos com três gols) e Ounajem (com três assistências).

O que esperar do Castelo Vermelho?

Talvez o Wydad não seja um adversário tão temível quanto o Al-Ahly que derrotou o Palmeiras nos pênaltis na decisão do terceiro lugar do Mundial de 2020.

A equipe marroquina também não nos parece tão forte quanto os sauditas do Al-Hilal que quase eliminaram o Flamengo nas semifinais do Mundial de 2019.

De qualquer forma, estamos falando do maior vencedor do Marrocos. E que tem cada vez mais fome de afirmação internacional.

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies