Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Xabi Alonso (Bayer Leverkusen)
  1. Futebol
  2. Bundesliga I

O notável Leverkusen de Xabi Alonso

Sob o comando técnico de um ex-jogador do Bayern de Munique, o Bayer Leverkusen desfruta de um de seus melhores momentos em anos.

O espanhol Xabi Alonso é hoje o treinador de quem mais se fala na Europa, sendo visto como o mais forte candidato a suceder o italiano Carlo Ancelotti no Real Madrid. E não é para menos: se o Bayer Leverkusen lidera de forma isolada a Bundesliga com um futebol dos mais atraentes, como ignorar o papel exercido pelo ex-meio-campista basco de 41 anos?

Prelúdio para a revolução

Era o dia 5 de outubro de 2022 quando o Bayer Leverkusen anunciou Xabi Alonso como seu novo treinador. Haviam-se disputado oito das 34 rodadas do Campeonato Alemão, mas a situação já era crítica. Com apenas uma vitória até aquele momento, os rubro-negros encontravam-se em penúltimo lugar.

A evolução foi quase imediata (principalmente dentro da BayArena), e ao fim do primeiro turno os de Leverkusen encontravam-se em nono. No fim coube-lhes a sexta posição, de modo que conquistaram uma das duas vagas na Liga Europa (competição da qual foram semifinalistas naquela temporada).

No verão viu-se irem embora atletas como o lateral/ala holandês Mitchel Bakker, vendido ao Atalanta, e o meio-campista Kerem Demirbay, vendido ao Galatasaray. Mas nenhuma despedida foi tão noticiada quanto a do atacante francês Moussa Diaby, vendido ao Aston Villa por 55 milhões de euros.

Atletas de destaque

Para repor a perda de Diaby, os alemães compraram Victor Boniface do Union Saint-Gilloise por 20 milhões. Seus números têm sido irrepreensíveis: em dez partidas (sete pela Bundesliga, duas pela Liga Europa e uma pela DFB-Pokal), o atacante nigeriano de 22 anos marcou nove gols e deu três assistências.

Entre os remanescentes encontram-se o lateral/ala-direito holandês Jeremie Frimpong, de 22 anos, e o meio-campista Florian Wirtz, de 20 anos. Wirtz é o jogador-símbolo do atual Leverkusen, que, mesmo para os padrões da Bundesliga, conta com um plantel muito jovem: 24,1 anos é a média de idade.

Nem só de garotos vive uma equipe competitiva, e Alonso sabe disso muito bem. Na pré-temporada chegaram o meio-campista suíço Granit Xhaka (vindo do Arsenal) e o também meio-campista Jonas Hofmann (vindo do Borussia Mönchengladbach). Ambos têm 31 anos e também são titulares dos Werkself

Estatísticas coletivas

Com a possível exceção do Tottenham na Premier League, entre os líderes nas principais ligas europeias nenhum era menos esperado que o Bayer Leverkusen. Ainda mais surpreendente é ver os rubro-negros empatados no quesito gols pró com o Bayern de Munique. Após sete rodadas, ambos chegaram às redes adversárias 23 vezes —média de 3,29 por jogo—.

Segundo o site Sofascore, o Leverkusen lidera em grandes chances de gols criadas (36) e é o segundo em média de finalizações por jogo (17,6). Os números também indicam que Alonso e seus homens recorrem com pouca frequência a ligações diretas, pois têm a maior média de passes precisos (591,3) e a menor de lançamentos precisos (2,4).

Não se trata de «tiki-taka» (convenhamos que isso seria quase inconcebível para uma equipe comandada por um homem que por cinco anos defendeu o Real Madrid), embora a média de posse de bola também não seja nada desprezível. Por apresentaram índice de 59,4%, os Werkself só estão atrás do Bayern de Munique (63,7%) e do Borussia Dortmund (60,7%).

Expectativas reavaliadas

No dia 18 de agosto, horas antes do primeiro jogo da Bundesliga 2023–24, estas eram as principais cotações do mercado «Vencedor Final».

cotaçãoequipe
1,28Bayern de Munique
6,00Borussia Dortmund
13,00Leipzig
41,00Bayer Leverkusen
81,00Union Berlin

Nenhuma surpresa. O Bayern de Munique, como de costume, era o grande favorito (1,28 equivale a probabilidade de 78%). E o Borussia Dortmund, que perdeu o título em 2022–23 apenas na última rodada, chegava com chances relativamente pequenas (6,00 equivale a 17%) mas ainda assim muito maiores do que as do Leipzig (13,00 equivale a 8%).

O que dizer então do Bayer Leverkusen, que era apenas o quarto nessa lista? Pois logo na primeira rodada os Werkself forçaram um reajuste nos prognósticos ao derrotar em casa o Leipzig por 3 x 2. E não demorou para se mostrarem competitivos também contra os campeões: pela quarta rodada, em Munique, Bayern e Bayer empataram por 2 x 2.

Quanto aos duelos com as demais equipes acima listadas, a recepção ao Union Berlin será em 11 de novembro e a recepção ao Dortmund será em 2 de dezembro. Mas o que se viu até aqui bastou para que se reavaliassem as perspectivas do Leverkusen quanto ao restante da temporada. Eis as principais cotações deste 9 de outubro em «Vencedor Final».

cotaçãoequipe
1,25Bayern de Munique
7,50Bayer Leverkusen
11,00Borussia Dortmund
17,00Leipzig
81,00Stuttgart

Na classificação são cinco pontos a mais que o Leipzig, mas apenas dois a mais que o Dortmund. A distância para os atuais vice-campeões não parece grande o bastante para justificar a mudança de estatuto da equipe treinada por Xabi Alonso. (Tanto é que o Stuttgart, embora seja o vice-líder, aparece muito atrás dos quatro principais candidatos ao título nos prognósticos.)

Dois meses atrás, obter uma das quatro vagas na Liga dos Campeões 2024–25 talvez fosse o grande objetivo do Leverkusen para esta temporada. Agora já se sonha mais alto. Desde 2010–11, quando terminaram em segundo na Bundesliga, os rubro-negros nunca pareceram tão fortes. A conquista do inédito título alemão pode ser improvável, mas não implausível.

As cotações aqui apresentadas estão sujeitas a flutuações.


Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.