Pular para conteúdo
Registre-se
Estádio Esportivo

A Roma empatou a zeros com o Génova, em casa, depois do VAR anular um tento dos romanos aos 90 minutos.

A equipa orientada por José Mourinho esteve em superioridade numérica desde o minuto 68, quando o defesa do Génova Leo Østigård foi expulso, mas não conseguiu materializar a supremacia frente ao penúltimo classificado da Série A, que apenas ganhou uma vez na prova.

Os romanos acabaram mesmo por marcar em cima da marca dos 90 minutos, por Nicolò Zaniolo, mas o árbitro foi chamado ao VAR e anulou o golo, dado que Tammy Abraham pisou um adversário numa fase prematura do lance.

O médio italiano, de 22 anos, foi expulso dois minutos depois, por protestar a decisão do árbitro.

Com este empate, a Roma segue na 7ª posição da tabela classificativa, com 39 pontos em 24 jogos, mais três do que a Fiorentina, que tem um jogo em atraso, e tem 16/1 odds de terminar nos primeiro quatro lugares da Série A e 500/1 odds de vencer o campeonato italiano.

No final da partida, o técnico da Roma, José Mourinho, foi a voz da contestação da equipa da capital italiana à arbitragem de Rosario Abisso.

“Quero dizer uma coisa: se o árbitro decidiu bem, então o nosso jogo, o jogo que se tornou o jogo do povo há muitos anos, o jogo que apaixonou o mundo, mudou. O futebol é outro desporto. Se aquilo é falta, o jogo não é o mesmo. Não é futebol, temos de encontrar outro nome, é outro desporto”, afirmou em declarações à DAZN no final do jogo.

Os portugueses Rui Patrício e Sérgio Oliveira voltaram a ser titulares pela equipa da capital.

Apostas de Futebol

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies