Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
GP Países Baixos
  1. Esportes Motorizados
  2. MotoGP

MotoGP: Assen, tudo o que você precisa saber

Os horários da ação, os possíveis protagonistas e a batalha entre as equipes. Depois da Alemanha, seguimos para a oitava corrida da temporada, antes da pausa de seis semanas para as férias de verão.

A oitava prova da temporada 2023 é a última antes de uma longa pausa de verão de seis semanas, em um momento na qual vemos o surgimento de um novo candidato ao título.

Francesco Bagnaia continua na liderança da MotoGP com 160 pontos, mas as últimas provas revelaram um novo candidato ao título. Jorge Martín subiu para a vice-liderança, com 144 pontos, após vencer o sprint e a corrida em Sachsenring, e tem agora odds de 3,75 para vencer o campeonato, contra 1,28 de Pecco.

O quê: Grande Prêmio dos Países Baixos de MotoGP
Onde: Circuito TT, Assen
Quando: Domingo, 25 de junho de 2023, às 09h00 de Brasília
Como assistir: ESPN e Star+

A etapa mais tradicional

O circuito, que está em atividade desde 1925, vai receber o oitavo Grande Prêmio da temporada 2023, representa é um marco importante em termos do Campeonato Mundial.

Foi aqui que Pecco Bagnaia percebeu que o título era possível, apesar de Assen historicamente ser hostil para a Ducati, que - incluindo o sucesso do atual campeão - só triunfou aqui duas vezes.

Veremos o que acontece agora em uma pista que também é conhecida como "A Catedral" do motociclismo.

Isso se deve às suas características quase únicas, mas que a tornam uma pista complicada. Vencer em Assen tem e sempre terá um sabor especial, mesmo depois da reforma de 2006 que fez o circuito perder uma parte substancial que se caracterizava por sua velocidade.

Nem mesmo o tempo e suas inevitáveis transformações, no entanto, fizeram esse circuito perder seu invejável charme.

O programa do fim de semana

MotoGPDiaHorário (Brasília)
Treino Livre 1 Sexta-feira05h45
Treino Livre 2Sexta-feira10h00
Treino Livre 3Sábado05h10
ClassificaçãoSábado05h50
Corrida SprintSábado10h00
CorridaDomingo09h00

Um programa repleto, como acontece em todo fim de semana da MotoGP. O próximo, que encerrará o mês de junho, também não é exceção à regra. Começa com os treinos livres de sexta-feira, seguindo-se o treino matinal de sábado, antes da sessão classificatória que estabelece o grid de largada para a corrida.

Mais tarde teremos então a corrida de sprint, com pontos importantes para a classificação final do campeonato, embora não altere a hierarquia de largada do domingo.

Já no domingo, haverá apenas o aquecimento, como último aperitivo para a corrida de verdade, às 09h00 de Brasília. E então o impacto será imediato e significativo.

Liderança indiscutível da Ducati

A Holanda é o último ato antes de uma pausa regeneradora de verão e os pilotos estão precisando disso, pois passaram por meses difíceis, com um maior número de acidentes graves, mas que contribuíram para a definição da classificação atual.

A Ducati está firmemente na liderança, com os quatro primeiros pilotos na classificação, mas o Grande Prêmio da Alemanha nos mostrou um novo e acirrado duelo, com Jorge Martín vencendo no photo-finish sobre o líder Francesco Bagnaia.

Agora na terra das tulipas, o italiano de 26 anos vai tentar voltar ao topo do pódio, para estender ainda mais sua vantagem na classificação geral e garantir, para já, o primeiro lugar.

Quem está tentando entrar nessa luta são Marco Bezzecchi e Johann Zarco.

Há um ano, precisamente em Assen, o italiano marcou seu primeiro pódio na categoria rainha do motociclismo e quer pelo menos repetir esse sucesso para não se afastar mais do topo da classificação.

Já o francês, confirmou sua excelente forma com seus resultados recentes, tendo terminado no pódio nas últimas três corridas.

O momento conturbado das outras equipes

A Aprilia continua sendo um mistério, cujo potencial ainda não foi descoberto. Os últimos finais de semana da equipe italiana não foram fáceis de assistir, graças à condição física ainda precária de Aleix Espargaró.

No entanto, a Yamaha e a Honda se saíram ainda pior: a primeira lutando com uma séria crise de resultados e a segunda quase sem pilotos devido a lesões.

O estado de emergência é evidente. Na verdade, Alex Rins já está praticamente fora, enquanto a construtora ainda espera salvar a relação com Marc Márquez, que não tem escondido sua irritação e frustração com o desempenho da Honda RC213V.

A marca já confirmou que este final de semana, Joan Mir, ainda recuperando da lesão na mão direita, será substituído por Iker Lecuona.

Quem sabe se Assen será capaz de revitalizar as chances dos que estão em maior dificuldade ou, ao contrário, exacerbar os problemas que existem atualmente.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta

Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.