Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
NBA
  1. Basquete
  2. NBA

Mercado da NBA: Vencedores e perdedores

Concluídas as negociações da temporada 2023/24 da NBA, damos uma olhada nos times que tiveram mais sucesso e aos que tiveram menos nas trocas e transferências.

Antes do intervalo para o Jogo All-Star e de entrarmos na reta final da temporada regular, as franquias da NBA tiveram uma última chance de ajustar seus elencos e, apesar de uma quantidade razoável de atividade, nenhuma superestrela mudou de equipe.

Mas quem foram afinal os vencedores e os perdedores desta janela de trocas e transferências? 

Vencedores 

New York Knicks

O Knicks surge destacado como o time que negociou melhor nesta fase. Após adquirir OG Anunoby do Toronto, o time de New York adicionou também Bojan Bogdanovic e Alec Burks, veteranos que podem proporcionar profundidade ao seu elenco.

Considerando que os dois estão acertando mais de 40% dos arremessos de três pontos nesta temporada e o primeiro tem uma média de 20,2 pontos por jogo, eles podem ser especialmente importantes nas finais.

Uma pergunta apenas permanece. Será que é possível conquistar um título de conferência ou até mesmo da NBA com uma equipe de profundidade, em vez de superestrelas? 

Oklahoma City Thunder

Em uma troca que não estava prevista, o Thunder conseguiu o veterano atacante Gordon Hayward do Hornets em troca de duas escolhas da segunda rodada do draft. E vale lembrar que essas escolhas basicamente não significam nada para Oklahoma City, já que a franquia lidera em capital de recrutamento para as próximas temporadas.

Hayward não joga desde 26 de dezembro devido a uma lesão na panturrilha, mas estará de volta em breve, provavelmente a tempo para os playoffs, bem importante dado que o Thunder é um verdadeiro concorrente para vencer a Conferência Oeste, com odds de 10,00.

Philadelphia 76ers

As opiniões se dividem relativamente à aquisição de Buddy Hield do Indiana, mas obviamente ela foi feita contando com o retorno de Joel Embiid ainda esta temporada e tendo em mente a disputa pelo título.

Supondo que Embiid esteja em quadra para os playoffs, Hield, que está fazendo mais de um trio de três pontos por jogo e com mais de 40% de eficácia, traz aos Sixers um jogo externo muito necessário para complementar o astro.

Derrotados 

Los Angeles Lakers

Alegadamente, o Lakers estava tentando várias negociações antes do prazo final, principalmente com o Hawks sobre Dejounte Murray. No entanto, nada se concretizou - nem com o Atlanta, nem com qualquer outra equipe.

Isso não quer dizer que as esperanças do time de Los Angeles sejam muitas. Sem problemas físicos, LeBron James e Anthony Davis ainda podem dominar e ganhar uma série de playoffs, ou até duas, não está fora das possibilidades. 

No entanto, se um ou ambos estiveram ausentes, o Lakers corre o risco de que a Copa da NBA (torneio In-Season) seja o único título que consiga conquistar nesta temporada.

Toronto Raptors

O Raptors já tinha sido a equipe mais ativa no mercado de trocas anterior, enviando Anunoby para Nova York e Pascal Siakam para Indiana no início da temporada. Mas a equipe ainda não tinha terminado, e neste mercado, enviaram Dennis Schroder e Thaddeus Young para Brooklyn, além de fazerem um acordo considerável com o Jazz.

Esta última transação, que resultou nos serviços de Kelly Olynyk e Ochai Agbaji, custou ao time de Toronto uma escolha de primeira rodada, o que não é um mau negócio, já que o Raptors nunca iria usar todas as suas três escolhas de primeira rodada. No entanto, se esperava que eles conseguissem mais em troca.

Quebrar com tudo parece ser a estratégia em Toronto, e não há nada de errado com isso; só está difícil decifrar o plano exato de reconstrução.

Chicago Bulls

Esperava-se que os Bulls estivessem bem ativos desse prazo de negociações, mas esse plano ficou dificultado devido à cirurgia a que Zach LaVine foi submetido que o vai afastar das quadras pelo restante da temporada. 

Ou seja, o time de Chicago não pôde negociar LaVine e acabou não negociando também DeMar DeRozan nem Alex Caruso.

Uma franquia que parece estagnada desde os gloriosos tempos de Michael Jordan, deveria estar seguindo o caminho de Toronto em termos de uma reconstrução total, mas em vez disso, parece que o Bulls vai ter de se contentar em perder no torneio play-in da Conferência Leste ou cair na primeira rodada dos playoffs. 

*As cotações citadas podem apresentar divergências, pois, ainda que corretas no momento da publicação do artigo, sofrem alterações em tempo real.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.