Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Maracanã - Futebol - Flamengo
  1. Futebol

Maiores jogadores da história do Flamengo

Um dos maiores times do Brasil e do mundo. A Nação Rubro-Negra tem tantos ídolos que, ao mesmo tempo em que listar seus principais ídolos se torna uma tarefa fácil, por outro lado, também acaba sendo um trabalho árduo. Confira alguns nomes (em ordem aleatória).

Zico (1971 a 1983 e 1985 a 1989)

Chamado de Deus da Gávea, Zico é unânime entre os torcedores e até mesmo ex-jogadores do Flamengo. Titular dos títulos da Copa Libertadores e do Mundial Interclubes em 1981, conquistou uma legião de torcedores que ainda hoje o idolatram.

Júnior (1974 a 1984 e 1989 a 1993)

Parceiro de Zico em grandes conquistas da história do Flamengo. Embora destro, se firmou como lateral-esquerdo na seleção brasileira em 1982. Depois de um tempo sem o destaque que merecia na Itália, voltou ao clube carioca para liderar a equipe como meio-campista. Ao longo de sua carreira vestiu a camisa vermelha e preta em 865 jogos, sendo o jogador que mais vezes representou o Flamengo.

Leandro (1979 a 1990)

Talvez, o maior lateral-direito da história do Rubro-Negro, Leandro jogou pelo Flamengo ao longo de toda sua carreira profissional, onde conquistou a Copa Libertadores e o Mundial, além dos brasileiros em 1980, 82, 83 e 87.

Gabriel Barbosa (2019 - presente)

Herói do título da Libertadores em 2019 e também em 2022, artilheiro do Flamengo no século XXI. O maior ídolo de toda uma nova geração de torcedores rubro-negros. Gabigol vem se tornando um dos nomes mais importantes e grandiosos de todos os tempos do Mengão.

Zizinho (1939 a 1950)

Com o Zizinho, o Flamengo conquistou seu primeiro campeonato estadual entre 1942, 1943 e 1944. Soma-se a isso o campeonato carioca de 1939. Zizinho saiu do Flamengo com 329 jogos e 146 gols e foi considerado o maior ídolo do clube até Zico aparecer.

Andrade (1979 a 1988)

Andrade, um dos grandes campeões da história do Flamengo, participou de quatro Brasileirões do Rubro-Negro (1980, 82, 83 e 87), além de ser campeão da Libertadores e do Mundial Interclubes. Como se não bastasse, ele ainda foi um dos principais responsáveis pelo título brasileiro de 2009, quando enfrentou um time desacreditado e o treinou.

Petkovic (2000 a 2002 e 2009 a 2011)

Pet fez história no Flamengo inicialmente pela cobrança de falta que garantiu o título estadual de 2001 contra o Vasco. Após uma saída contenciosa, o sérvio concordou em voltar para pagar uma dívida que o clube lhe devia, apesar de estar muito desconfiado. Ao contrário da crença popular, ele foi um jogador-chave no título nacional de 2009.

Evaristo de Macedo (1953 a 1957 e 1965 a 1967)

Ídolo no Barcelona e no Real Madrid, Evaristo de Macedo é considerado um dos grandes jogadores de sua geração. No Flamengo foi campeão estadual em 1953, 1954, 1955, 1965. Ele também dirigiu o clube três vezes como técnico da equipe principal.

Além desses nomes citados, claro que há outros igualmente grandes, que podem muito bem substituir alguns dos nomes desta lista, como é o caso de atletas como Pirillo, Nunes, Dida, Adílio, e até o baixinho Romário. Há também outros jogadores em atividade que vem fazendo história com o manto do Mengão: Arrascaeta, Bruno Henrique, Pedro e Everton Ribeiro são exemplos.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.