Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
AC MIlan v PSG
  1. Futebol
  2. Liga dos Campeões

Liga dos Campeões: favoritismo francês no San Siro

Tendo batido o Milan na França, o Paris Saint-Germain vai pelos três pontos também na Itália.

O Paris Saint-Germain não está entre os cinco mais bem cotados no mercado «Vencedor Final» da Liga dos Campeões da UEFA, mas sempre foi tido como a principal força do grupo F. Isso não é pouco, pois deste mesmo grupo fazem parte o Borussia Dortmund, o Milan e o Newcastle.

Com seis pontos em três rodadas, os franceses encontram-se na liderança mas têm apenas dois pontos de vantagem sobre os alemães e os ingleses. Por esse motivo é de esperar que cheguem famintos para este confronto com os italianos, aos quais derrotaram em casa duas semanas atrás.

O quê:Milan x Paris Saint-Germain
Onde:San Siro, Milão
Quando:terça, 7 de novembro, às 17h (Brasília)
Como assistir:SBT | TNT | HBO Max
Cotações:Milan = 3,10 | empate = 3,60 | PSG = 2,20

Como chegam os rossoneri

Após a derrota para o PSG em Paris, o Milan empatou por 2 x 2 com o Napoli em Nápoles e perdeu por 1 x 0 para a Udinese em Milão. Ambas as partidas foram válidas pelo Campeonato Italiano, competição na qual, após onze compromissos, o diavolo conta com 22 pontos (sete vitórias, um empate e três derrotas) e encontra-se em terceiro lugar.

A distância para o líder, a Internazionale, é de seis pontos, e no mercado «Vencedor Final» os homens de Stefano Pioli aparecem cotados em 5,50 (18% de probabilidade). Parece-nos importante realçar que as suas principais estatísticas coletivas não são nada animadoras: dezoito gols marcados (1,64 por jogo) e onze sofridos (1,09 por jogo).

Por outro lado, os atletas que formam o tridente ofensivo vêm conseguindo números interessantes: o ponta-direita americano Christian Pulisic (que se recupera de lesão) tem quatro gols e duas assistências, o centroavante francês Olivier Giroud seis gols e três assistências e o ponta-esquerda português Rafael Leão três gols e três assistências.

Um nome menos badalado mas também importante é o meio-campista holandês Tijjani Reijnders (o único rossonero a ter sido titular em todas as rodadas da Liga Italiana). Quanto a outras peças-chave, observamos que o meio-campista inglês Ruben Loftus-Cheek vem se recuperando de lesão e talvez ainda não esteja pronto para começar jogando.

Como chegam os rouges et bleus

Após se impor em casa sobre o Milan, o Paris Saint-Germain jogou e triunfou duas vezes pelo Campeonato Francês: 3 x 2 sobre o Brest (fora) e 3 x 0 sobre o Montpellier (casa). A equipe treinada pelo espanhol Luis Enrique encontra-se em segundo lugar, com 24 pontos conquistados em onze rodadas (sete vitórias, três empates e uma derrota).

Considerando que a distância para o líder (o surpreendente Nice) é de apenas um ponto, não parece exagero os parisienses estarem cotados em 1,16 (86% de probabilidade) no mercado «Vencedor Final». Seu ataque, de 26 gols marcados (2,36 por jogo), é o mais produtivo; sua defesa, de 9 gols sofridos (0,82 por jogo), é a segunda menos vazada.

O esquema tático varia entre o 4-3-3 e o 4-2-4; em qualquer caso, um dos titulares no meio de campo é quase sempre Warren Zaïre-Emery. Este atleta de apenas 17 anos está em sua segunda temporada pelos rouges et bleus e aparenta ter boas chances de ser incluído na próxima convocação de Didier Deschamps para a seleção francesa.

Em relação ao ataque, talvez o único homem indiscutível seja mesmo Kylian Mbappé (que já conta com dez gols na Ligue 1). Apenas no fim de outubro o espanhol Marco Asensio voltou a treinar após lesão sofrida em setembro, de modo que as principais opções para atuar mais adiantado têm sido Randal Kolo Muani e o português Gonçalo Ramos.

O que se espera do jogo

Embora seja possível e desejável questionar até que ponto o 3 x 0 do Paris Saint-Germain sobre o Milan no estádio Parc des Princes foi um reflexo fiel do que se viu durantes os noventa minutos, ninguém pôs em dúvida a superioridade dos rouges et bleus naquele dia.

E mesmo os mais apaixonados torcedores rossoneri hão de reconhecer a dificuldade de sua equipe em vencer jogos grandes na atual temporada. Como esquecer do 5 x 1 para a Internazionale e do 1 x 0 para a Juventus pela Serie A, ambos no San Siro?

Nesse mesmo estádio o diavolo perdeu anteontem por uma equipe cuja principal meta é não cair para a Serie B. Daí se entende por que, mesmo em casa, os homens de Stefano Pioli não são considerados os favoritos contra uma das mais fortes equipes da Europa.

Em relação aos homens de Luis Enrique a grande incógnita é se a derrota por 4 x 1 para o Newcastle no St James’ Park, pela segunda rodada desse grupo F, foi apenas um acidente de percurso ou reflexo das fragilidades defensivas de um time sempre voltado ao ataque.

Os de Paris precisam obter pelo menos uma grande vitória fora de casa em 2023–24 se quiserem ser vistos como fortes candidatos a todos os títulos possíveis. Pelo que vêm demonstrando nas últimas quatro semanas, essa vitória pode muito bem ocorrer em Milão.

As cotações aqui apresentadas estão sujeitas a flutuações.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.