Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Tiquinho Soares (Botafogo)
  1. Futebol
  2. Copa Libertadores

Libertadores: o primeiro duelo brasileiro

Botafogo e Bragantino começam a decidir quem será o último representante do Brasil na fase de grupos.

Nesta quarta-feira, pela terceira fase da Copa Libertadores, teremos no estádio Nilton Santos o tão aguardado encontro entre o Botafogo e o Bragantino —duas equipes que estiveram perto de obter a classificação direta à fase de grupos da competição durante a Série A 2023—.

O quê:

Botafogo x Bragantino

Onde:

Nilton Santos, Rio de Janeiro

Quando:

quarta, 6 de março, às 21h30 (Brasília)

Como assistir:

ESPN | Star+ | Globoplay | ge

Cotações:

Botafogo = 2,05 | empate = 3,25 | Bragantino = 3,50

Como chega o glorioso

A estreia internacional do Botafogo em 2024 foi também o seu último jogo sob o comando de Tiago Nunes. Naquele 21 de fevereiro os brasileiros venciam o Aurora em Cochabamba até aos acréscimos, quando os bolivianos conseguiram o empate por 1 x 1. Uma semana depois, no Rio de Janeiro, tendo como técnico o interino Fabio Matias (que até ao ano passado dirigia o Bragantino II), os anfitriões venceram por 6 x 0.

Ontem, pela última rodada da Taça Guanabara, o Botafogo precisava derrotar o Fluminense e depois ainda torcer para que o Vasco não derrotasse a Portuguesa. No clássico com o tricolor viu-se o alvinegro, com um onze alternativo, acabar vitorioso por 4 x 2; porém, em seguida os camisas negras venceram a lusa por 4 x 0. Nos próximos dez dias, só o que importará para o clube de General Severiano é a competição da Conmebol.

Como chegam os Braga Boys

Na segunda fase da Libertadores, o Bragantino exibiu a já conhecida dificuldade de se impôr sobre equipes que jogam com linhas recuadas. Terça-feira passada, Pedro Caixinha e seus comandados superaram o Águilas Doradas nos pênaltis (4 x 3) por terem apenas empatado sem gols com os colombianos tanto na ida (em Medellín) quanto na volta (em Bragança Paulista).

Ontem a equipe se apresentou de novo no estádio Nabi Abi Chedid, pelo Campeonato Paulista. Embora seu adversário fosse o Santos, parecia lógico que Caixinha poupasse todos ou quase todos os titulares para o jogo desta quarta-feira porque, mesmo em caso de derrota, o massa bruta terminaria a penúltima rodada como o líder do grupo C. No entanto, os do interior paulista entraram em campo com força quase máxima e venceram o alvinegro praiano por 1 x 0.

O que esperar do jogo

O Botafogo segue sem o ponta-direita Luiz Henrique, mas isso no momento não parece ser um grande problema: seu substituto, Júnior Santos, marcou quatro gols quarta-feira passada. Outro desfalque por lesão é o ponta-esquerda Jeffinho, e por isso o venezuelano Jefferson Savarino seguirá improvisado nesse setor. (Ele prefere atuar pela direita.) Um atleta que não vive grande momento é o goleiro paraguaio Gatito Fernández, mas com a lesão de John é certa a sua permanência entre os titulares. Além disso, é provável que Hugo seja o lateral-esquerdo apesar de o antigo dono da posição, Marçal, estar em condições de atuar desde o início.

No jogo de volta da fase anterior o Bragantino teve o desfalque de última hora de um de seus mais importantes jogadores, o meio-campista Lucas Evangelista, por lesão muscular. Ontem o camisa 8 não esteve entre os relacionados para a recepção ao peixe, o que parece indício de que tampouco estará em condições de atuar nesta quarta; se assim for, seu substituto será outra vez o meia Lincoln Henrique. Quanto às demais posições, destacamos a presença do goleiro Cleiton (que defendeu um pênalti nas cobranças alternadas de semana passada) e a ausência do zagueiro Léo Ortiz (que enfim acertou sua ida ao Flamengo).

No glorioso tem-se presenciado nas últimas semanas uma revalorização do ímpeto ofensivo, e não é por nada que o meia Eduardo e o centroavante Tiquinho Soares (que começaram mal a temporada) hoje estão em alta. O que ainda estamos para ver é se Fabio Matias conseguirá alcançar um equilíbrio entre os setores a fim de tornar a equipe competitiva contra um adversário de patamar semelhante ao seu. (Ontem o Botafogo enfrentou um Fluminense escalado apenas com reservas.)

Embora os Braga Boys apresentem mentalidade ofensiva (é essa a filosofia que a Red Bull busca implementar em suas equipes), não os vimos ainda marcar mais de dois gols em um mesmo jogo em 2024. Aliás, ultimamente Pedro Caixinha parece estar mais preocupado em encaixar o posicionamento defensivo de seus atletas: nas últimas cinco partidas a equipe foi vazada apenas contra São Paulo (e naquela ocasião o treinador português escalou um time alternativo para focar na Libertadores).

Enquanto mandante, em 2024 o Botafogo enfrentou apenas uma equipe da Primeira Divisão: o Vasco, para quem perdeu por 4 x 2 em 18 de fevereiro (resultado esse que revelaria-se fatal para as pretensões do alvinegro no Campeonato Carioca). Mas desde que Matias assumiu o comando foram três vitórias em três jogos, o que já mudou e muito o ânimo do elenco. O teste decisivo para ele e seus comandados é este duelo contra o consistente Bragantino de Caixinha. Um empate com gols parece o resultado provável.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.