Pular para conteúdo
Registre-se
x

Guanyu Zhou para o lugar de Giovinazzi

Guanyu Zhou completa a grelha de 2022 da Fórmula 1 ao substituir Antonio Giovinazzi na Alfa Romeo.

Zhou será o primeiro piloto chinês na F1, um marco histórico para o seu país no desporto motorizado.

Entretanto, esta época continua com o Grande Prémio do Catar, onde Lewis Hamilton tem 4/6 de odds para vencer e Max Verstappen tem 13/8.

O chinês de 22 anos tendo tido uma carreira relevante nas várias categorias de automobilismo em que tem participado, o que despertou o interesse de algumas equipas da F1.

Depois de bons resultados em F4 e F3, Zhou está na luta pelo título em F2 este ano, encontrando-se em segundo lugar com duas provas por disputar.

Assim, a Alfa Romeo completa e confirma a sua dupla de pilotos com Zhou a juntar-se a Valtteri Bottas, que vai deixar a Mercedes no final do ano.

"Sonhei desde pequeno com uma escalada tão alta quanto possível num desporto pelo qual sou apaixonado e agora o sonho tornou-se realidade. É para mim um privilégio começar a minha carreira na Fórmula 1 com uma equipa icónica, uma equipa que introduziu tanto talento jovem na Fórmula 1 no passado", afirmou o jovem piloto chinês, citado pelo autosport.pt.

O director da Alfa Romeo Racing ORLEN, Frédéric Vasseur, acrescentou:

"É um prazer receber Guanyu Zhou na Alfa Romeo Racing ORLEN. Ele é um piloto muito talentoso, como os seus resultados na F2 demonstraram, e estamos ansiosos por ajudar o seu talento a florescer ainda mais na Fórmula 1".

"Estamos orgulhosos da nossa dupla de pilotos para 2022 e estamos confiantes que Zhou formará uma parceria muito bem-sucedida com Valtteri Bottas".

Apostas em Fórmula 1

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies