Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Ferrari
  1. Esportes Motorizados
  2. Fórmula 1

F1: Leclerc domina neste sábado de testes

Charles Leclerc e George Russell fazem os dois melhores tempos neste terceiro e último dia de testes no Bahrein, com o brasileiro Felipe Drugovich, que substituía Lance Stroll, indisponível para estes testes,  completando o top 3

O primeiro final de semana de testes da Fórmula 1, se encerrou neste último sábado (25), com Charles Leclerc liderando o grupo no último dia, e o brasileiro Felipe Drugovic indo bem em uma chance recebida após o acidente de bicicleta de Lance Stroll, que deixou o canadense de fora deste período de testes.

F1: Temporada de 2023

O quê:Fórmula 1 - 2023
Onde:23 Provas - Início no Bahrein, término em Abu Dhabi
Quando:De 05 de março a 26 de novembro
Como assistir:Band e Band Sports
Cotações para pilotos:Max Verstappen = 1.72 / Lewis Hamilton = 4.00 / Charles Leclerc =6.00
Cotações para construtorasRed Bull = 1.90 / Mercedes = 2.62 / Ferrari = 4.50

Leclerc anda bem neste sábado (25)

O piloto monegasco da Ferrari, entra na temporada de 2023 com bastante pressão. No ano passado, erros recorrentes em estratégia e em pontos cruciais prejudicaram qualquer possibilidade que Leclerc tivesse de brigar por título, que no final das contas foi para Max Verstappen por ampla margem de vantagem.

Leclerc e Russell eram de longe os grandes destaques do grupo de pilotos que foi a pista neste sábado (25), que não contava com os multicampeões Lewis Hamilton e Max Verstappen, e Leclerc e Russell guiaram de acordo, dominando as ações.

Fazendo 60 voltas no dia, Charles Leclerc fez a melhor volta, cravando 1:31.024, quase que meio segundo melhor do que qualquer outro piloto, com George Russell da Mercedes chegando com 1:31.442.

O brasileiro Felipe Drugovich foi escalado de última hora para este período de testes, no palco da corrida de abertura da próxima temporada, que virá no próximo dia 5 de março no Bahrein,, e teve um bom desempenho neste último dia, completando 77 voltas, sendo a melhor delas com tempo de 1:32.075

Incidentes com Sergio Pérez e Valtteri Bottas foram causa de duas bandeiras vermelhas, porém sem nada grave

Ainda no início da sessão, enquanto na pista, a Red Bull de Sergio Pérez teve um pequeno problema, com um sensor simplesmente caindo do carro, forçando uma parada nos treinos, mas acabou sendo resolvido com rapidez, e a pista foi liberada novamente.

Já mais tarde no reino, desta vez foi a Alfa Romeo de Valtteri Bottas, que gerou a bandeira vermelha, após um problema de câmbio, que deixou o carro parado na região da curva 8 do circuito,

Em nenhuma das duas ocasiões o treino esteve parado por muito tempo.

Brasileiro Felipe Drugovich recompensa a confiança da equipe ao ser escolhido para os treinos

A temporada de 2023 já começou de forma tumultuada para a Aston Martin, com a equipe tendo que ir para o seu banco de reservas, de certa forma, tendo que substituir Lance Stroll, após o piloto canadense ter sofrido um acidente de bicicleta na Espanha,

Felipe Drugovich nem é o piloto reserva de mais experiência da Aston Martin, mas o belga Stefan Vandoorne, campeão da Fórmula E, tinha compromisso pela categoria, na mesma data deste final de semana de treinamentos, e por isto, a vez foi passada para Drugovich.

Agora fica em aberto a questão de quem será o piloto na corrida, que acontecerá no final de semana que vem, no dia 5 de março. A disponibilidade de Lance Stroll é incerta, e mesmo disponível, Vandoorne afirmou em entrevista para a TV belga, que Drugovich poderá ser o escolhido, por ter feito toda a preparação, o que se torna o grande trunfo do brasileiro nesta definição.

Ter indo bem neste final de semana também dá toda a confiança para o jovem brasileiro, que pode vir a fazer a sua estreia na Fórmula 1. O brasileiro até enfrentou alguns problemas com o carro no primeiro dia, passando por uma falha eletrônica, mas o superou, e acabou fazendo um final de semana bem positivo.

Em relação a Lance Stroll, tudo o que se sabe é que o piloto de 24 anos sofreu fraturas a mão e pulso, mas como já foi dito, a equipe ainda não fez uma decisão em relação a sua presença na primeira corrida do ano, algo que deve ser definido nos próximos dias, de acordo com a recuperação do piloto.

Tendo se juntado como piloto reserva na Fórmula 1 recentemente, Felipe Drugovich venceu o título da Fórmula 2 no ano passado, e possui oito vitórias na categoria entre as temporadas de 2020 e 2022.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.