Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
F1
  1. Esportes Motorizados
  2. Fórmula 1

F1: Circuitos de rua na história da Fórmula 1

A partir de 2026, Madri vai se juntar à longa lista de circuitos de rua que cravaram lugar na história da Fórmula 1, incluindo o glamour de Mônaco e a novidade de Las Vegas.

Atualmente, há oito circuitos de rua garantidos para o Campeonato Mundial de 2024, e até 2026, vamos ter pelo menos nove, já que o novo circuito de rua (ou semi-urbano) de Madri foi confirmado e se junta à lista de ruas que receberam alguns dos melhores pilotos da história da competição.

Vale notar que, entre os requisitos para um circuito desse tipo, a FIA determina que o comprimento mínimo deve ser de 3,5 quilômetros (Mônaco não cumpre) e máximo de sete. Quanto à largura, ela não deve ser inferior a 12 metros e as retas não podem ter mais de dois quilômetros.

Verifique os circuitos de rua que fazem parte do atual campeonato:

Mônaco

A capital monegasca é a mais tradicional em termos desse tipo de circuito. Projetado por Antony Noghes, o circuito recebe corridas desde 1929, apesar de o primeiro Grand Prix de F1 ter sido realizado em 1950, e já viu algumas corridas emocionantes e outras absolutamente caóticas. Um verdadeiro clássico do calendário do automobilismo, o circuito é amado por uns e odiado por outros, devido às poucas ultrapassagens que permite. Por isso, a maioria das vitórias vem do pole position.

Maior número de vitórias: Ayrton Senna (6)

Jedá, Arábia Saudita

Apenas três edições foram suficientes para que as ruas de Jedá se tornassem uma das pistas mais rápidas do Campeonato Mundial. Uma das razões para isso é que ela não tem as curvas de 90 graus tão típicas desses circuitos, de modo que os carros voam sobre a pista. Além disso, em suas retas, mais de um piloto ultrapassou os 300 km/h em mais de uma ocasião.

Maior número de vitórias: Lewis Hamilton, Max Verstappen e Sergio Pérez (1)

Yas Marina, Abu Dhabi

Construído na Ilha Yas, o emirado de Abu Dhabi construiu uma pista espetacular de 5.554 metros de comprimento que também é conhecida por sua iluminação noturna. Yas Marina tem sido um evento regular desde 2009, encerrando as últimas dez temporadas.

Maior número de vitórias: Lewis Hamilton (5)

Albert Park, Austrália

A longa tradição da Austrália na Fórmula 1 (Grand Prix desde 1928) teve várias mudanças nas últimas décadas, com Albert Park e Adelaide sendo ambos circuitos de rua. O Albert Park tem sediado a corrida desde 1996, com uma pausa em 2020 e 2021. Abrindo frequentemente o calendário, esse é um circuito misto, mas também um dos mais rápidos e mais difíceis de ultrapassar.

Maior número de vitórias: Michael Schumacher (4)

Baku, Azerbaijão

Faz parte do calendário desde 2016, e enche as ruas do país de cor e barulho de motor. Desde que Nico Rosberg venceu há oito temporadas, Baku se estabeleceu como um circuito de seções lentas e rápidas, onde os pilotos voam pelo traçado que conta com 20 curvas.

Maior número de vitórias: Sergio Pérez (2)

Marina Bay, Singapura

Mais de 80.000 espectadores estiveram presentes desde 2008, quando Fernando Alonso subiu ao topo do pódio em Marina Bay pela primeira vez. O espanhol repetiu o feito em 2010 com a Ferrari e, desde então, a equipe italiana venceu cinco vezes, incluindo em 2023, com Carlos Sainz. O circuito passou por várias modificações desde sua inauguração, mas continua fazendo parte da Fórmula 1 anualmente.

Maior número de vitórias: Sebastian Vettel (5)

Miami, Estados Unidos

Se passaram quatro anos desde que a proposta para Miami sediar uma corrida de Fórmula 1 foi apresentada e foi finalmente em 2022 que a prova estreou. Max Verstappen, que venceu as duas corridas, saboreou a emoção deste circuito em sentido anti-horário, que consiste em três retas e 19 curvas.

Maior número de vitórias: Max Verstappen (2)

Las Vegas, Estados Unidos

O mais recente circuito de rua a entrar no calendário também tem a peculiaridade de ser realizado à noite. Las Vegas já sediou duas corridas do Campeonato Mundial em 1982 e 1983, mas sua falta de importância as remeteu para o esquecimento. O Strip ainda precisa da experiência dos anos após os incidentes pré-corrida que afetaram alguns pilotos. De qualquer forma, as suas ruas ficarão cheias de fumaça e velocidade pelo menos até 2033.

Maior número de vitórias: Max Verstappen (1)

Outros circuitos icônicos

A história da Fórmula 1 teve outros circuitos de rua que já não fazem parte do calendário.

Por exemplo, o circuito de Valência, que sediou a corrida por cinco temporadas e que tinha um total de 25 curvas e uma extensão de 5.473 metros. Outro dos míticos circuitos espanhóis foi Montjuic, que de 1968 a 1975 realizou uma das corridas mais perigosas do campeonato. Um percurso que serpenteava pelas curvas das montanhas de Barcelona, proporcionando acelerações espetaculares e cheias de adrenalina. Montjuic também será lembrado por ser o único circuito da história em que uma mulher marcou pontos - Lella Lombardi, em 1975.

Macau, Pau, na França, Long Beach, na Califórnia, Madonie, na Sicília, e Birmingham, na Inglaterra, são outros circuitos míticos na memória dos fãs.

Fórmula 1

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.