Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
MotoGp 2023
  1. Esportes Motorizados
  2. MotoGP

Duas semanas para o início do MotoGP 2023

26 de março marcará o início de uma nova temporada na primeira classe do motociclismo com o Grande Prêmio de Portugal, onde Francesco Bagnaia vai iniciar sua defesa do título.

A nova temporada do MotoGP está quase aí e são muitos os pilotos que vão lutar para conquistar o Campeonato Mundial. 

Entre eles, destaca-se o atual campeão Pecco Bagnaia que tentará revalidar o título conquistado em 2022, Fabio Quartararo que busca o regresso ao topo, e ainda Marc Márquez que quer deixar para trás as lesões e ter regularidade.

Como é o calendário para 2023?

A nova temporada terá um total de 21 corridas e se inicia com o Grande Prêmio de Portugal, no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, entre 24 e 26 de março.

Para 2023, temos duas estreias, com o Autódromo Internacional de Sokol, no Cazaquistão e o Circuito Internacional de Buddh, na Índia, recebendo Grande Prix.

O 21º e último Grande Prêmio de 2023 será realizado no fim de semana de 24 a 26 de novembro, no Circuito Ricardo Tormo, em Espanha.

Bagnaia parte em defesa do título

Pecco conquistou seu primeiro título mundial em novembro passado em Valência, fazendo história para a Ducati, já que este é apenas o segundo campeonato que a marca italiana alcança na primeira classe do motociclismo, depois de Casey Stoner em 2007.

Agora terão um duro desafio para manter esse nível, mas certamente estarão em disputa pelo bicampeonato. Para isso, os italianos prepararam uma moto com um motor mais potente. Algo que a torna ainda mais favorita e foi confirmado nos testes em Sepang.

O piloto italiano terá muitos rivais para a luta pelo título e o primeiro deles será seu companheiro de equipe, Enea Bastianini.

La Bestia completou uma temporada de 2022 incrível para a Gresini, terminando em terceiro lugar na classificação geral, conquistando também quatro vitórias em corrida. Agora, sua meta será manter esse nível com a equipe principal da Ducati e ganhar seu primeiro Campeonato Mundial. Espera-se uma luta acirrada entre os dois por causa da superioridade que sua moto está mostrando.

Confira os últimos cinco vencedores do Campeonato Mundial de pilotos de MotoGP:

2022: Francesco Bagnaia (Ducati)

2021: Fabio Quartararo (Yamaha)

2020: Joan Mir (Suzuki)

2019: Marc Márquez (Honda)

2018: Marc Márquez (Honda)

Notícias relacionadas:

Prévia da temporada 2023 da MotoGP

MotoGP: Revisão da temporada 2022

Muitas dúvidas na Repsol Honda

Se o favoritismo da Ducati é claro, não podemos dizer o mesmo sobre a equipe dos ex-campeões Marc Márquez e Joan Mir. A hegemonia mostrada na última década desapareceu nos últimos três anos, nos quais a Honda não esteve nem perto do topo.

Márquez não se mostrou satisfeito com o desempenho de sua RC213, após os primeiros testes, mas com certeza vem trabalhando desde então para a tornar competitiva para lutar por vitórias.

O seis vezes campeão mundial quer deixar para trás as lesões que o mantiveram longe da pista em várias ocasiões e efetuar um ano inteiro sem interrupções. Na equipe parece haver confiança de que a recuperação física de Márquez está completa para que eles possam enfrentar a Ducati, que ainda está superior em termos de desempenho.

Joan Mir também vai querer lutar pelo título, que já conquistou em 2020.

Os dois pilotos catalães formam uma equipe com talento suficiente para poder estar regularmente nas primeiras posições das corridas. Eles estarão encarregados de colocar a Honda de novo no topo do pódio, embora, para isso, tenha que haver constantes melhorias nas motos durante a temporada.

Quartararo quer se vingar de 2022

O francês ia bem-lançado para conquistar seu segundo título consecutivo, mas a queda no desempenho de sua Yamaha na segunda metade da última temporada, aliada ao grande momento de forma de Bagnaia, lhe roubaram essa chance.

Ele tinha uma vantagem de mais de 100 pontos que se foi dissipando a cada corrida, e no final ele teve que se contentar com o segundo lugar, a 17 pontos de distância de Pecco.

Com seu novo M11, ele está procurando vingança na pista, embora saiba que isso será uma tarefa difícil em uma competição sempre tão disputada, em que ainda não se sabe quem terá o melhor ritmo.

Também não podemos esquecer Aleix Espargaró, que teve um grande início na última edição, mas cujos problemas físicos o impediram de disputar o título.

Agora, o piloto da Aprilia tem nova oportunidade para mostrar seu talento e tentar surpreender no campeonato.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.