Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
camisa da seleção do Brasil
  1. Futebol
  2. Seleção

Desempenho do Brasil em seus amistosos pré Copa América

Antes de estrear no torneio continental, o Brasil realizou dois amistosos contra seleções da Concacaf, vencendo o México e empatando com os Estados Unidos.

A fase de testes do Brasil antes da Copa América chegou ao fim, e agora os próximos jogos serão para valer. Confira, portanto, como foi essa preparação da Seleção Brasileira antes de sua estreia oficial no torneio continental, que marca a sua 48.ª edição.

Estatísticas do jogo entre México x Brasil

México

Estatísticas dos times

Brasil

2

Gols

3

12

Finalizações

9

3

Finalizações a gol

5

44%

Posse de bola

56%

398

Passes

519

14

Faltas

13

0

Cartões

3

9

Escanteios

1

  • Como foi o jogo:

A seleção brasileira enfrentou o México em um amistoso no sábado, dia 8, nos Estados Unidos, como preparação para a Copa América. A partida, realizada no Kyle Field, no Texas, terminou com vitória do Brasil por 3 a 2. Andreas Pereira, Martinelli e Endrick marcaram os gols brasileiros. O técnico Dorival Júnior aproveitou o jogo para testar novos jogadores e utilizar uma formação alternativa.

O Brasil começou o jogo de forma intensa, com Martinelli quase abrindo o placar nos primeiros segundos. Aos quatro minutos, Andreas Pereira recebeu a bola na grande área e marcou um belo gol.

Após a vantagem, a seleção brasileira reduziu o ritmo, deixando o jogo mais truncado. O México não conseguiu criar muitas chances e o primeiro tempo terminou com o placar inalterado.

No início do segundo tempo, o Brasil ampliou aos oito minutos, com Yan Couto servindo Gabriel Martinelli, que finalizou para o gol. No entanto, o ritmo novamente caiu e o México cresceu, conseguindo diminuir com Quiñones.

Dorival Júnior fez substituições, colocando jogadores titulares, mas faltou precisão para fechar o jogo. Nos acréscimos, Martínez empatou para o México. Porém, nos momentos finais, Endrick brilhou mais uma vez, marcando de cabeça e garantindo a vitória para o Brasil.

Estatísticas do jogo entre Estados Unidos x Brasil

Estados Unidos

Estatísticas dos times

Brasil

1

Gols

1

12

Finalizações

24

7

Finalizações a gol

11

39%

Posse de bola

61%

360

Passes

573

14

Faltas

13

0

Cartões

1

0

Escanteios

9

  • Como foi o jogo:

A seleção brasileira empatou com os Estados Unidos em 1 a 1 no último amistoso antes da Copa América, realizado nesta quarta-feira (12) no Camping World Stadium, em Orlando (EUA). Os americanos começaram melhor, com Musah acertando um chute venenoso no travessão que quase resultou em gol ao bater nas costas de Alisson.

Desde o início, o Brasil deixou espaços na marcação em frente à área, com João Gomes tendo um desempenho fraco e sendo substituído no intervalo. No ataque, Raphinha jogou bem aberto pela direita, ajudando na marcação, enquanto Vini Jr. e Rodrygo se revezavam na ponta esquerda e pelo centro. 

O gol brasileiro veio aos 16 minutos, quando Rodrygo recebeu na área e marcou de canhota. Os melhores momentos do Brasil ocorreram quando pressionavam a saída de bola dos Estados Unidos.

A vantagem brasileira, porém, durou apenas 14 minutos. Após uma falta em Pulisic na entrada da área, os americanos marcaram em uma cobrança rasteira que passou pelo canto defendido por Alisson.

Depois do gol de empate, o Brasil não conseguiu manter o mesmo nível de produção ofensiva até o fim do primeiro tempo. No segundo tempo, porém, mesmo com mudanças no setor ofensivo e no meio campo, ainda assim a Canarinho não foi capaz de garantir a vitória.

Breve análise dos amistosos

A partir dos jogos amistosos disputados recentemente sob o comando de Dorival, nota-se uma necessidade de uma defesa mais eficiente. Afinal, em quatro jogos realizados foram seis gols sofridos, sendo, inclusive, vazado nos últimos três.

Os pontos fortes dessa seleção ficam claramente no setor ofensivo. A dupla Vinicius Júnior e Rodrygo desempenham um ótimo papel, e certamente serão as principais armas do Brasil para tentar vencer essa edição de Copa América.

Durante essas partidas amistosas, remontando também os confrontos com Inglaterra e Espanha, a Canarinho ainda permanece invicta, o que é um bom indício, visto que todas as seleções que enfrentou estavam entre o top 15 do Ranking FIFA.

Ou seja, embora tenha encontrado dificuldades e que vulnerabilidades tenham sido detectadas, dessa vez, pelo menos, o Brasil teve adversários qualificados. Então, ao analisar o saldo dos resultados, existem motivos para comemorar e acreditar na força dessa equipe.

O que esperar do Brasil na Copa América?

Vencedor da Copa América pela última vez em 2019, quando sediou o torneio, o Brasil chega para esta edição com o claro objetivo de conquistar mais um título, o qual seria a sua décima conquista de Copa América. 

Mas, para isso, é essencial que Dorival Júnior estabeleça um padrão de jogo consistente, proporcionando segurança aos torcedores e já planejando um novo ciclo para a Copa do Mundo, que acontecerá nos EUA, Canadá e México, em 2026.

Os jogadores convocados por Dorival têm suas próprias motivações para brilhar. Vinicius busca se firmar como candidato ao Ballon d'Or; Endrick quer chegar com prestígio ao Real Madrid; Beraldo assumir uma vaga na defesa; e aqueles com menos tempo de jogo desejam garantir um lugar fixo na Seleção Brasileira.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.