Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Romelu Lukaku (Bélgica)
  1. Futebol
  2. Eurocopa

Candidatos à artilharia da Eurocopa

Selecionamos os cinco atletas à frente dos demais na corrida pelo prêmio de principal goleador do torneio.

Estamos a seis meses da próxima Eurocopa, e já conhecemos 21 das 24 seleções que dela participarão. (As outras três conheceremos em março, após os play-offs de repescagem.) São grandes as expectativas em relação a este torneio, visto que ele contará com todas as dez nações da UEFA mais bem posicionadas no ranking da FIFA.

Embora ainda não tenhamos as cotações do mercado «Melhor Marcador», podemos imaginar quais atletas têm as melhores chances de terminar no topo da artilharia. Selecionamos aqui um representante de cada uma das seleções europeias que melhor se saíram nos últimos doze meses: França, Inglaterra, Espanha, Portugal e Bélgica.

Kylian Mbappé

Por ter a Argentina sido a campeã da última Copa do Mundo, era previsível que a Bola de Ouro da competição seria entregue a Lionel Messi. Mas tampouco teria sido descabido se o francês Kylian Mbappé, que terminou como o Chuteira de Ouro (oito gols), tivesse recebido ambos os prêmios. Há muitos bons argumentos a favor da opinião de que este parisiense, prestes a completar 25 anos, é hoje o melhor jogador do mundo. O mais óbvio é a sua notável produtividade ofensiva: mesmo não sendo um centroavante, Mbappé marcou nove vezes em oito partidas pela França em 2023 e dezoito vezes em dezenove partidas pelo Paris Saint-Germain em 2023–24.

Harry Kane

Harry Kane vive o auge da carreira. No último verão o britânico se transferiu do Tottenham Hotspur para o Bayern de Munique, e não demorou nada para mostrar ser o homem-gol que faltava aos bávaros: bastaram-lhe onze jogos na Bundesliga 2023–24 para que marcasse mais vezes (dezessete) do que o artilheiro da edição anterior. Hoje com 30 anos, este centroavante nascido na Grande Londres segue tão prestigiado quanto antes aos olhos de Gareth Southgate. O treinador dos Three Lions tem à sua disposição ótimos pontas que atuam por importantes equipes da Premier League; mas, quando o assunto é converter oportunidades em gol, o camisa 9 dos Roten encontra-se numa categoria à parte.

Álvaro Morata

Quando a atual temporada europeia começou, era incerto o estatuto de Álvaro Morata tanto no Atlético de Madrid quanto na Espanha. Os colchoneros de Diego Simeone contavam com o holandês Memphis Depay (que chegou em janeiro do Barcelona), e a roja de Luis de la Fuente contava com Joselu (o artilheiro espanhol de LaLiga 2022–23). Morata se reafirmou por seu clube, algo que se nota principalmente por seus cinco gols na atual Liga dos Campeões. Isso permitiu ao madrilenho de 31 anos manter o estatuto de principal centroavante da seleção, pela qual marcou quatro vezes em seis partidas nas Eliminatórias do Campeonato Europeu.

Cristiano Ronaldo

Os artilheiros da Eurocopa de dois anos atrás, com cinco gols cada, foram o tchéquio Patrik Shick e o português Cristiano Ronaldo. Àquela altura o luso nascido em Funchal defendia a Juventus e já era visto com desconfiança devido aos seus 36 anos de idade. Essa desconfiança só aumentou em janeiro deste ano, quando se transferiu ao Al-Nassr após um breve e frustrante retorno ao Manchester United. Cristiano estará com 39 anos na próxima Eurocopa, mas é provável que siga sendo o principal atacante da seleção das quinas se o treinador espanhol Roberto Martínez optar por apenas um homem de área. (A expectativa é de que um dia o sucessor de CR7 seja Gonçalo Ramos, que em agosto trocou o Benfica pelo PSG.)

Romelu Lukaku

O belga Romelu Lukaku vive um renascimento. Após apresentar desempenho muito abaixo das expectativas em Catar 2022 (competição na qual os diabos vermelhos caíram na fase de grupos), e após uma temporada irregular pela Internazionale (onde não se firmou como titular com o técnico Simone Inzaghi), este futebolista de 30 anos foi emprestado pelo Chelsea pela segunda vez seguida a um clube da Itália. Hoje o nativo da Antuérpia é um dos destaques da Roma de José Mourinho, tendo chegado às redes adversárias seis vezes em doze partidas na Serie A 2023–24. Já pela seleção agora comandada pelo ítalo-alemão Domenico Tedesco, Lukaku foi o artilheiro das Eliminatórias da Eurocopa: quatorze gols em oito jogos.

Outros jogadores

Já tendo abordado os mais fortes candidatos à artilharia, não faremos muito mais do que mencionar outros bons nomes: o alemão Niclas Füllkrug (Borussia Dortmund), o dinamarquês Rasmus Hojlund (Manchester United), o holandês Cody Gakpo (Liverpool), o escocês Scott McTominay (Manchester United) e os sérvios Aleksandar Mitrovic (Al-Hilal) e Dusan Vlahovic (Juventus).

Terminamos com a lembrança de que o polonês Robert Lewandowski (Barcelona) não está garantido na competição: sua seleção enfrentará a Estônia na repescagem e, se vencer, enfrentará ainda o vencedor de País de Gales vs. Finlândia. Caso os alvirrubros não cheguem à Eurocopa, Lewandowski será uma ausência quase tão sentida quanto a do norueguês Erling Haaland (Manchester City).

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta

Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.