Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
Brasileirão Série A – 23.ª rodada
  1. Futebol
  2. Brasileirão

Brasileirão: revisão da 23.ª rodada

Duas estreias e uma demissão de treinador marcaram esta rodada em que o único dos quatro primeiros colocados a pontuar foi o Palmeiras.

Neste domingo haverá o primeiro jogo da final da Copa do Brasil. Esse foi o motivo de as dez partidas da 23.ª rodada do Brasileirão terem sido disputadas entre quarta e sábado.

A disputa pelo título parece se restringir a Botafogo, que perdeu, e Palmeiras, que venceu. Como Grêmio e Flamengo também perderam, a configuração do G4 pode mudar em breve.

Quarta-feira

O estádio em que o Flamengo recebeu o Athletico foi o Kleber Andrade, na cidade capixaba de Cariacica. Quando os fluminenses de Jorge Sampaoli perderam Gabi por expulsão, aos 67 minutos, os paranaenses do (ainda) interino Wesley Carvalho já haviam feito o primeiro de seus três gols. Embora siga em sétimo lugar, o furacão agora está a dois pontos do G4. 

Também no Beira-Rio, onde o Internacional de Eduardo Coudet recebeu o São Paulo de Dorival Júnior, quem saiu na frente foi a equipe visitante. A diferença é que os anfitriões reagiram e, no segundo tempo, conseguiram a virada. Para o colorado, foi o primeiro triunfo após dez rodadas; para o tricolor, foi a sétima partida seguida sem vencer na Série A.

Quinta-feira

Zé Ricardo estreou como técnico do Cruzeiro na Vila Belmiro. A raposa abriu o placar pouco antes do intervalo, e na segunda parte marcou mais dois gols que lhe garantiram o primeiro triunfo após oito rodadas. Em 17.º na classificação, o Santos demitiu o uruguaio Diego Aguirre no dia seguinte. (Amanhã será o interino Marcelo Fernandes a comandar o peixe.)

Doze dias antes de duelarem pela semifinal da Copa Sul-Americana, Fortaleza e Corinthians se encontraram no Castelão. Os homens de Juan Pablo Vojvoda finalizaram 23 vezes, mas só marcaram o gol decisivo sobre os de Vanderlei Luxemburgo nos acréscimos. Com quatro triunfos nas últimas cinco rodadas, o leão do Pici está a três pontos do G6.

No Couto Pereira houve a estreia de Rogério Ceni no comando técnico do Bahia. O Coritiba de Thiago Kosloski marcou no segundo minuto, mas antes mesmo do intervalo os visitantes já haviam conseguido três de seus quatro tentos. Agora são seis derrotas seguidas do coxa, que seguirá na zona de rebaixamento mesmo se vencer as próximas três partidas.

Dois gols marcados antes do intervalo deram ao Bragantino de Pedro Caixinha a sua sétima vitória no Nabi Abi Chedid. Superar o Grêmio de Renato Portaluppi mostrou-se de grande importância para os Braga Boys em sua busca pelo G4, porque agora ambas as equipes somam os mesmos 39 pontos. (Mas o tricolor dos pampas ainda tem um jogo a menos.)

Sexta-feira

Todos os gols do 2 x 2 na Arena Pantanal entre Cuiabá e América Mineiro saíram ainda no primeiro tempo. O dourado do português António Oliveira, que vinha de quatro derrotas seguidas, continua na zona da Sul-Americana; o coelho do argentino Fabián Bustos, que havia vencido nas duas rodadas anteriores, continua na zona de rebaixamento.

O duelo alviverde no Allianz Parque foi decidido nos acréscimos. Breno Lopes marcou o gol do Palmeiras de Abel Ferreira, que se encontra em impressionante série de oito jogos sem ser vazado (cinco pela Série A, três pela Libertadores). Embora tenha sido derrotado após oito rodadas, o Goiás de Armando Evangelista manteve-se quatro pontos acima do Z4.

Sábado

Foi no estádio Nilton Santos que o Vasco de Ramón Díaz atuou como mandante contra o Fluminense de Fernando Diniz (substituído à beira do campo pelo auxiliar Eduardo Barros). Gabriel Pec entrou no segundo tempo e marcou dois gols para decidir a vitória dos camisas negras, que no entanto seguem no Z4. Os tricolores caíram do quinto para o sexto lugar.

Por fim, o Atlético Mineiro de Luiz Felipe Scolari recebeu o Botafogo de Bruno Lage na Arena MRV. Uma vez mais Paulinho marcou para o galo —todos os últimos cinco gols da equipe foram de sua autoria—, que segue na luta pela Libertadores. O glorioso perdeu a segunda seguida pelo Brasileirão, e sua vantagem sobre o vice-líder é de sete pontos.

OS RESULTADOS DA 23.ª RODADA

quarta, 13 de setembro
. Internacional 2 x 1 São Paulo
. Flamengo 0 x 3 Athletico

quinta, 14 de setembro
. Santos 0 x 3 Cruzeiro
. Fortaleza 2 x 1 Corinthians
. Coritiba 2 x 4 Bahia
. Bragantino 2 x 0 Grêmio

sexta, 15 de setembro
. Cuiabá 2 x 2 América-MG
. Palmeiras 1 x 0 Goiás

sábado, 16 de setembro
. Vasco 4 x 2 Fluminense
. Atlético-MG 1 x 0 Botafogo

A CLASSIFICAÇÃO

posiçãoequipepontuação
1.ªBotafogo51
2.ªPalmeiras44
3.ªGrêmio*39
4.ªFlamengo39
5.ªBragantino39
6.ªFluminense38
7.ªAthletico37
8.ªFortaleza35
9.ªAtlético-MG34
10.ªCuiabá29
11.ªCruzeiro29
12.ªInternacional29
13.ªSão Paulo*28
14.ªCorinthians*26
15.ªBahia25
16.ªGoiás25
17.ªSantos21
18.ªVasco*20
19.ªAmérica-MG*17
20.ªCoritiba*14
*equipe com um jogo a menos

OS JOGOS DA 24.ª RODADA

segunda, 18 de setembro
. 20h00 – Bahia x Santos

terça, 19 de setembro
. 21h30 – América-MG x Bragantino

quarta, 20 de setembro
. 19h00 – Goiás x Flamengo
. 21h30 – Fluminense x Cruzeiro
. 21h30 – São Paulo x Fortaleza

quinta, 21 de setembro
. 19h00 – Vasco x Coritiba
. 19h30 – Athletico x Internacional
. 21h30 – Grêmio x Palmeiras

sexta, 22 de setembro
. 20h00 – Corinthians x Botafogo

sábado, 23 de setembro
. 21h00 – Atlético-MG x Cuiabá

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta

Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.