Pular para conteúdo
Registre-se
Lucas Paquetá (Brasil)
  1. Futebol
  2. Copa do Mundo

Brasil chega no Catar

A seleção brasileira, favorita para vencer a Copa do Mundo, foi a última a desembarcar no país sede, e agora se prepara para a estreia na próxima quinta-feira (24) contra a Sérvia, em grupo que traz déjà-vu a última Copa.

Reencontro entre Brasil, Servia, e Suíça

Na última Copa do Mundo, Brasil, Sérvia, Suíça, e Costa Rica formaram o grupo E, que terminou com a seleção brasileira avançando em primeiro lugar, seguida pelos suíços. Quis o destino que três destas seleções se reencontrassem nesta edição, desta vez com Camarões completando a chave.

Comparando a seleção que bateu a Sérvia por 2 x 0, quatro anos atrás e a equipe que entrará em campo em 2022, cinco titulares daquele jogo seguem como peças fundamentais do elenco atual. Alisson, Thiago Silva, Casemiro, Neymar e Gabriel Jesus, todos continuam em alto nível, e fazem parte da base desta equipe.

Brasil e Sérvia serão as duas últimas seleções a estrearem nesta Copa, fechando a rodada de quinta-feira

O quê:Brasil x Servia
Onde:Lsail Stadium, Lesail
Quando:quinta-feira, 24 de novembro de 2022, às 16:00h (horário de Brasília)
Como assistir:Globo, SporTV, e GloboPlay
Cotações:Brasil = 1.44 / Empate = 4.33 / Servia = 7.00

A data de estreia no fim da próxima quinta (24) contribuiu para o fato da seleção brasileira ser a última a chegar no Catar, apenas neste último sábado (19). Certamente o Brasil espera ser o último a deixar o país, chegando até a finalíssima daqui a aproximadamente um mês.

Uma combinação de fatores colocam enorme pressão na seleção brasileira

Lá se vão vinte anos desde que o Brasil foi campeão do mundo pela última vez, e tirando o vexame do 7 x 1 em casa em 2014, o cenário vem sendo bem parecido em eliminações recentes.

Em 2006, 2010, e 2018, o Brasil caiu no seu primeiro duelo eliminatório contra uma seleção europeia, contra França, Holanda e Bélgica, todas as três vezes nas fases de quartas de final, sempre por diferença mínima, com derrotas de 1 x 0, 2 x 1, e 2 x 1, respectivamente.

Entretanto, mesmo entendendo que o Brasil chega em toda a Copa com o objetivo de título, esta equipe tem um favoritismo e expectativa até além do padrão.

Não há argumentos contra o fato de que Neymar tem o melhor grupo de apoio no ataque que já teve na seleção brasileira, com Gabriel Jesus brilhando no líder da Premier League, Arsenal, Vinícius Jr. mesmo bem jovem já estabelecido como estrela do Real Madrid, Raphinha e Antony também jogando nos gigantes Barcelona e Manchester United, entre outros.

Muitos duvidaram da capacidade de Thiago Silva para seguir em alto nível durante todo outro ciclo de Copa, mas aqui estamos em 2022, e o zagueiro do Chelsea segue como uma das referências de sua posição no mundo da bola.

O único ponto de maior questão se encontra na lateral direita, sem nenhum grande destaque em clubes, mas Tite já demonstrou que pode colocar esta equipe para funcionar sem necessariamente um jogador de elite na posição.

Outro ponto importante é que Neymar chega nesta Copa completamente saudável, e no final das contas, as esperanças da seleção brasileira passam por ele.

Flexibilidade no seu time titular

A cultura na mídia esportiva brasileira é obcecada em discutir e apontar o (onze) ideal, e esta ideia de um time titular, que em todos os cenários te dá a melhor chance de vitória, é discutida com constância.

A realidade é que este elenco em particular e suas apresentações recentes indicam uma flexibilidade bem interessante para o técnico Tite. Gabriel jesus e Richarlison ambos fizeram por merecer a vaga de 9, e cada um tem seus méritos com características especiais.

A presença de Lucas Paquetá ou de um ponta mais tradicional (Viníciius Jr) pelo lado esquerdo, trazem opções completamente diferentes, e a escolha vai depender do contexto do jogo, e também do oponente.

É bem provável que a seleção brasileira não repita sua escalação em todos os seus três jogos da fase de grupos, e isto é muito mais uma representação da qualidade e profundidade de sua equipe, do que qualquer outra coisa.

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies