Pular para conteúdo
ACESSAR Esportes bet365
tênis (ATP)
  1. Tênis

ATP Roma: Alexander Zverev voltou a vencer um Masters 1000 e se prepara para chegar longe no Aberto da França.

Alexander Zverev não deu chances aos seus rivais nos últimos dias, vencendo o Masters 1000 de Roma. O tenista alemão de 27 anos vence assim seu primeiro título de 2024 e mostra a sua boa forma pouco antes de iniciar o Aberto da França.

Muito eficaz na final

Zverev venceu a final do ATP de Roma contra Nicolás Jarry por 6-4 e 7-5, mantendo a tendência de todo o torneio de vencer em dois sets.

Mas o que mais se destacou não foi só o placar de 2 a 0, mas também, por exemplo, não ter cedido uma única bola de break ao seu adversário, com uma eficácia em seu saque pouco habitual para uma final de um torneio tão importante.

Por outro lado, o alemão conseguiu nove bola de quebra de saque, das quais aproveitou duas, uma em casa parcial, o necessário para vencer a partida sem grandes problemas que pudessem complicar a sua vitória.

Ele esteve muito regular em seu jogo, mostrando a sua qualidade e eficácia precisamente antes do segundo Grand Slam de 2024, o Aberto da França.

Primeiro título do ano e segundo no ATP de Roma

Esta foi a segunda conquista de Zverev no Foro Itálico e a sua primeira deste ano. É verdade que ele disputou algumas semifinais importantes e algumas finais, mas não conseguia concretizar as suas opções nos momentos mais importantes.

Com este triunfo, ele aumenta muito sua confiança, mais ainda em um torneio que ele não vencia desde 2017. Ele até que havia chegado nas rodadas finais, incluindo na decisão, mas não conseguiu se impor como fez este domingo.

Com este resultado, Roma é agora o Masters 1000 em que Zverev conseguiu melhores resultados, empatada com Madri. Nos dois ele venceu o título por duas vezes, chegando ainda à final por outra vez. Recordemos que Zverev venceu apenas mais dois ATP 1000, Canadá e Cincinnati, sendo que estas são as maiores conquistas de sua carreira em conjunto com duas ATP Finals.

Zverev a um passo de Paris

É importante dizer que é crucial para Zverev a motivação com que chega a Paris. O Aberto da França começa em uma semana e poucos chegarão tão confiantes como o tenista alemão.

Ele até que nem é um dos favoritos para vencer o Grand Slam de quadras de saibro, mas seria um erro para seus rivais subestimá-lo. Zverev já venceu contra vários favoritos no saibro de Paris e, se repete esse feito este ano, no mínimo é um sério candidato a repetir a presença nas semifinais, como fez em 2021, 2022 e 2023.

Mais ainda, nesta temporada de saibro não teve muitos altos e baixos e não se viu nenhum tenista que se destacou em especial, o que pode continuar no Major de Paris. Stefanos Tsitsipas e Casper Ruud começaram fortes em Monte Carlo e Barcelona, mas caíram em Madri e Roma. Carlos Alcaraz e Novak Djokovic tiveram problemas com lesões e ausências. Daniil Medvedev não se encontrou bem e Rafa Nadal deixa dúvidas sobre sua competitividade, registrando um 5-3 em saibro, sem nunca passar das oitavas de final.

Zverev tem uma cotação de 7,00 para vencer o Aberto da França, atrás de Alcaraz com 2,75, Djokovic com 3,75 e Jannik Sinner com 5,00.

*As cotações citadas podem apresentar divergências, pois, ainda que corretas no momento da publicação do artigo, sofrem alterações em tempo real.

Artigos Relacionados

A bet365 utiliza cookies

Nós utilizamos cookies para oferecer um serviço melhor e mais personalizado. Para mais informações, consulte a nossa Política de Cookies

Novo na bet365? Obtenha até R$200 em Créditos de Aposta Registre-se

A conta deve estar verificada antes da ativação. Retornos excluem valor de aposta em Créditos de Aposta. São aplicados T&Cs, limites de tempo e exclusões.